Como uma loja física pode ser a base do sucesso do comércio...

Como uma loja física pode ser a base do sucesso do comércio eletrônico

258
0

Todos precisam perceber o quão sortudos somos por viver nesta era digital. Você pode literalmente iniciar um negócio de comércio eletrônico como uma pequena movimentação durante a noite até que se transforme em um show em tempo integral. Nossos pais não tiveram esse luxo. Quando chegavam do trabalho, não era possível abrir uma loja online. Eles tiveram que abrir uma loja física.

As estatísticas mostram que o crescimento das compras online e as vendas de comércio eletrônico são surpreendentes. De acordo com o SmartInsights.com, o gasto médio total no comércio eletrônico por cliente, por ano, nos EUA é estimado em US $ 1.800. No entanto, as vendas de comércio eletrônico representam apenas 8% do total de vendas no varejo nos EUA. Ainda há muito espaço para crescimento quando se trata de comércio eletrônico.

Embora iniciar um e-commerce pareça um modelo de negócios sólido, há muita sinergia entre uma loja física e uma loja de comércio eletrônico. De acordo com os Retail Touch Points, o e-commerce e o brick se juntam para criar uma experiência omnichannel perfeita. Isso faz todo o sentido, já que 72% dos jovens clientes pesquisaram suas opções online antes de chegarem a uma loja. Dois terços dos clientes fizeram compras nos últimos seis meses que incluíram vários canais.

Confira: Rede de relacionamento: saiba como fazer um bom networking e gerar oportunidade de negócios!

Mesmo que as pessoas experientes em tecnologia tenham a sorte de poder iniciar facilmente uma loja online, podemos aprender algo com os manuais de nossos pais e avós. Vamos ver como?

Execute testes físicos na loja online

Durante o dia, você atua, por exemplo, em uma agência de marketing digital. Durante a noite, concentre-se na loja de comércio eletrônico.

Você tem a sorte de poder ver o que funciona para seus clientes quando se trata de vender online e, em seguida, executar isso para a loja física. Assim, você terá  o luxo de executar campanhas de teste que podem ser muito arriscadas para um cliente, mas não com a loja de comércio eletrônico. Se a ideia funcionar, você pode levar isso para uma campanha de cliente.

Dica de comércio eletrônico

Você não precisa abrir seu próprio espaço e aceitar o aluguel para vender seu produto em uma loja física. Se o produto que você vende tem uma conexão com uma loja no seu mercado local, ofereça ao dono dessa empresa uma porcentagem ou um pequeno pagamento por alugar um espaço, essa é uma ótima – e barata alternativa para fazer sua marca crescer.

Confira: Descrição de produtos no e-commerce: como criar para vender mais

Uma vez que vender os produtos na prática foi um sucesso, você perceberá que isso é uma enorme oportunidade, não apenas em termos de novos clientes, mas também em reconhecimento, e o boca a boca é uma fonte confiável. Veja algumas dicas:

  • Buscar outros especialistas dentro de sua área com redes amplas para começar a recomendar os produtos que você vende no seu site;
  • Criar um anúncio em sites como o indeed.com.br em busca de especialistas treinados e licenciados;
  • Entrevistar pessoas (homens e mulheres) a fim de construir relacionamentos com algumas delas;
  • Montar um sistema baseado em comissão onde eles ganham dinheiro pelas vendas que fizessem através do seu site.

O que é velho é novo de novo

Há muitas maneiras de diversificar seu e-commerce, mas muitas pessoas confiam apenas nos canais digitais tradicionais, esquecendo-se da abordagem antiga que funcionou lá atrás. A solução é uma combinação dos dois, que criará uma sinergia incrível, assegurando que você esteja realmente cobrindo todas as suas bases.

Comente, traga sua opinião sobre esse post!

 

DEIXE UMA RESPOSTA