Plataforma de e-commerce: você sabe escolher o que é melhor para você?

Plataforma de e-commerce: você sabe escolher o que é melhor para você?

2272
0
plataforma de e-commerce

Muitas pessoas nos procuram perguntando: Como eu faço para montar minha loja? O que eu preciso para ter ruma loja virtual? Nós sempre indicamos este texto que aborda todas as necessidades iniciais, e claro oferecemos a nossa plataforma de e-commerce. Algumas pessoas ainda tem dúvidas sobre porque usar uma plataforma e qual é a melhor.

Não é segredo para ninguém que a gente sempre diz por aqui, que não é a plataforma que faz vendas, você pode usar a nossa ou a do concorrente e ser uma loja de sucesso, da mesma forma que você pode usar a nossa plataforma de e-commerce ou a do concorrente e ser uma loja que não faz pedidos. Não é a plataforma que vai fazer a diferença no seu negócio, são as suas estratégias de marketing.

Quando a gente fala assim, parece que a plataforma de e-commerce perde um pouco da sua importancia, então vamos esclarecer uma coisa a plataforma de e-commerce é extremamente importante, mas é uma coisa básica. Você não pode ter uma plataforma de e-commerce que atrapalhe as suas vendas. Então quando você tem uma plataforma que atende suas necessidades e não tem nenhum defeito. A sua plataforma não está te ajudando a vender, ela simplesmente não está atrapalhando as vendas.

Qual a melhor plataforma?

Na hora de escolher uma plataforma de e-commerce você deve considerar o valor que você pode investir, e as funcionalidades que você precisa. Contratar alguém que desenvolva toda a plataforma é sempre a opção mais cara, porque você vai criar algo que não existe, mas em alguns casos é a única forma de atender as necessidades dos seus produtos.

Se você optar por alugar uma plataforma de e-commerce, comece fazendo uma lista de todas as funcionalidades necessárias para o seu produto, por exemplo, calçados precisam ter opções de tamanho, cor, modelo. Já roupas podem precisar de uma funcionalidade para diferenciar o tipo de tecido, o que não se aplicaria em produtos eletrônicos que precisam disponibilizar a voltagem. Por isso é necessário fazer uma lista com as atribuições que o seus produtos precisam.

Não adianta nada você contratar uma plataforma ótima, mas que não atende as necessidades do seu produto, então é extramente importante que você saiba o que procura quando for escolher sua plataforma. A maioria dos lojistas costuma contratar a plataforma primeiro, e depois descobrir que não tem as funcionalidades necessárias. Ai é tempo perdido, dinheiro perdido, e loja virtual sem vender, ou seja, ninguém sai feliz.

Outra coisa que você precisa planejar na hora de contratar uma plataforma é a mensalidade, você precisa ter capital de giro para pagar a plataforma de e-commerce caso suas vendas não estejam ainda conseguindo sustentar a empresa. Algumas pessoas contratam a empresa, configuram tudo, e menos de 6 meses depois querem cancelar porque não tem como pagar a mensalidade.

Quando a sua loja virtual não faz vendas, não adianta você culpar a plataforma, a menos que ela esteja com alguma falha. As vezes uma configuração errada impede que as compras possam ser finalizadas, e os lojistas nem perceberam que na hora de selecionar a opção cartão ocorre um erro. Os clientes nem sempre avisam que tiveram problema, na maioria das vezes o cliente desiste da sua loja e compra do concorrente.

Nós estamos nos baseando em plataformas de e-commerce alugadas, se você quer saber sobre plataformas de e-commerce gratuitas pode ler este artigo aqui. Neste texto também estamos deixando de lado as vendas em marketplace.

Se eu contratar a plataforma de vocês vou fazer vendas todos os dias?

Essa é a pergunta mais clássica, que a gente ouve por aqui, nossa plataforma de e-commerce não faz milagres, a plataforma não tem falhas e sempre que ocorre algum problema nosso suporte resolve em até 24 horas. Mas ainda não trabalhamos com milagres, para ter vendas o lojista precisa de visitantes, para trazer visitantes para a loja virtual é necessário anunciar. Visitantes geram vendas.

Desconfie de qualquer plataforma que prometa resultados milagrosos. A única coisa que a sua plataforma de e-commerce precisa fazer é te ajudar a vender e funcionar corretamente. Todo o resto é feito pelo lojista. Anúncios, atendimento, deixar a loja virtual bem indexada no Google. São muitas funções para uma pessoa só. Ter uma loja virtual é bem mais trabalhoso do que parece.

➜ Mini Curso SEO para Loja Virtual

Existem pessoas que acreditam que comprar a plataforma mais cara, é a solução, preço não é tudo, como já falamos aqui, veja as funcionalidades que a plataforma de e-commerce oferece. Aqui na D Loja Virtual, por exemplo, nosso plano Premium IV oferece o serviço de consultoria de marketing onde ajudamos o lojista mostrando quais caminhos ele deve seguir e vamos acompanhando os resultados. Isso justifica o preço da contratação desse plano da nossa plataforma. Se você quiser conhecer todos os planos, clique aqui.

Não esquecendo também, que na hora de escolher sua plataforma você precisa ficar ligado no número de produtos, número de visitantes e número de page views que cada plataforma de e-commerce oferece. Opte por uma plataforma que não cobre comissões por venda. Só vale a pena pagar comissões por venda quando você não paga pela plataforma, porque se não você vai estar pagando duas vezes, pela mesma coisa.

➜ eBook Gestão de e-commerce para PME

Então, o que devo fazer?

Não existe uma plataforma melhor que todas as outras, existe a plataforma que atende melhor a sua necessidade e que cabe no seu bolso. Mesmo que você tenha uma plataforma que não fica entre as top 10, se ela não atrapalhar suas vendas você tem grandes chances de fazer sucesso. Veja se as URLs são otimizadas. Se página do produto está ok. Se as fotos estão atraentes e com qualidade. Revise cada item da sua loja, tenha muita visitação, e só então comece a se questionar se a sua plataforma pode estar te atrapalhando.

A plataforma de e-commerce é a ferramenta onde a venda é realizada, a plataforma precisa deixar as coisas mais fáceis quando os clientes clicarem no botão comprar e não dificultar. Na hora de escolher a sua plataforma, pesquise, pegue referências, faça uma compra em uma loja que usa a plataforma que você se interessou. Demore o tempo que for necessário escolhendo para não se arrepender e querer trocar antes mesmo da loja ir para o ar.