Gestão de negócios em sua loja virtual

Gestão de negócios em sua loja virtual

930
1
Gestão de negócios em sua loja virtual

Leia nesse artigo sobre a importância da Gestão de negócios em sua loja virtual como esse assunto evitar alguns problemas em seu negócio

Um dos maiores erros na gestão de comércios eletrônicos está na hora de fazer o planejamento. Boa parte dos empreendedores não costuma fazer o correto planejamento de como será o primeiro ano ou meses da sua empresa.

Simplo 7- Plataforma de e-commerceDo mesmo modo que no mundo físico, isso no mundo virtual acaba sendo considerado um dos principais erros que levam as jovens empresas a falência, principalmente naquelas pequenas e médias empresas.

BAIXE NOSSO MATERIAL

>Como atrair cliente com e-mail 
>7 dicas para começar a usar o Youtube
>Saiba se seu site está otimizado

Segundo pesquisas mostraram, os dados das entidades que costumam acompanhar o setor, cerca de 60% das lojas virtuais que são abertas não costumam chegar a um ano de vida. O principal motivo disto ocorrer se dá pelo fato de que esses novos empreendedores fazem o lançamento das suas operações virtuais sem antes fazer uma pesquisa prévia que dê possibilidade de que venham a conhecer em detalhes as peculiaridades do seu segmento e sem terem uma estratégia apropriada que consiga atender às expectativas do perfil dos seus clientes.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Veja 3 Ferramentas para monitorar seu mercado
>Aprenda como usar o CANVAS
>Aprenda como usar o Google Analytics em sua loja virtual

Esse tipo de padrão de comportamento é considerado idêntico ao tido por um grande número de empresários do mundo real. Nesse caso, empresas de menor porte acabam entrando de forma despreparada no mercado eletrônico e isso faz com que elas acabem sucumbindo com o tempo.

No comércio eletrônico, o ambiente é diferente

Segundo estimativas de autoridades brasileiras, há hoje pelo menos 60 mil micro e pequenas empresas em operação no e-commerce do Brasil. Destas, apenas cinco mil são formalmente estabelecidas. No caso, o pequeno empreendedor terá uma briga contra grandes companhias.

O motivo se deve ao fato de que há uma grande concentração dos grandes grupos do país na internet, com cerca de 50 empresas alcançando mais de 90% do faturamento geral. Assim, vale aquela comparação: quando uma loja virtual é aberta no bairro em que o microempreendedor vive, ele terá uma noção bem menor do que as pessoas realmente esperam da sua loja. Por sua vez, na internet, tudo que ele fizer e qualquer estratégia errada que tiver sido feita em relação ao preço ou ao posicionamento da loja pode levar ao fim a loja virtual.

BAIXE NOSSO MATERIAL

>Como montar uma loja 
>Como fotografar e editar fotos em sua loja virtual
>Como atrair visitantes gratuitamente para sua loja virtual
>Como vender pelo Facebook e Instagram

Juntamente com isso, dependendo do tipo de operação que o consumidor quiser realizar, o empreendedor pode acabar não estando acostumado a ter uma preocupação com perguntas referentes a logística confiável, a variadas formas de pagamento, a marketing. Tudo isso são elementos que não podem faltar no mundo online.

Então, caso uma loja virtual não venha a oferecer, por exemplo, algum tipo de opção de pagamento por meio do cartão de crédito, cerca de 80% dos consumidores deixarão de consumir nela, isso porque o cartão de crédito se constitui como uma das modalidades mais utilizadas pelos usuários.

É fundamental planejar muito

Com isso, a informação é clara:

É fundamental, antes de que se abra qualquer tipo de operação online, montar um bom plano de negócios online. Será a partir deste levantamento que o gestor irá poder compreender e investigar de forma prévia qual é o tipo de mercado em que ele irá ter que atuar, onde está localizado o seu público, qual será o produto que ele deseja vender e o quanto será necessário de investimento para colocar o comércio eletrônico em pé.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Assista o Webinar para montar loja virtual
>Veja 8  dicas para montar uma loja virtual
>Baixe E-book Gestão de e-commerce para PME
>Assista a Palestra: E-commerce Do Zero Aos Resultados Em 6 Etapas

O ideal é compreender que uma loja virtual não é brincadeira, sendo necessário um grande investimento e muita atenção. Do mesmo modo, uma loja virtual não irá se movimentar e nem se administrar sozinha.

Toda loja virtual de pequeno porte que é montada, terá feito um investimento inicial que custará pelo menos de R$ 10 mil. Isso nem sempre irá atender as necessidades inicias da tecnologia, dependendo da plataforma que for escolhida para a venda dos produtos e para as ações iniciais de divulgação que forem realizadas.

BAIXE NOSSO MATERIAL

>Baixe a planilha de planejamento de ações de marketing
>Baixe e-book para datas comemorativas

Do mesmo modo, é necessário saber fazer um correto posicionamento estratégico dentro do mercado, sendo que uma recomendação fundamental e essencial para a sobrevivência dos pequenos negócios é fugir dos mercados que são dominados por grandes operações do comércio eletrônico, como as Lojas Americanas, o Extra e o Submarino.

Logo, o ideal é se escolher um nicho

Por exemplo, se a ideia é ter um comércio eletrônico de livros, o empreendedor pode ter mais sucesso se especializando na venda de livros de arquitetura ou em quadrinhos femininos. Isso é essencial, já que empreendimentos de menor porte não irão conseguir competir com as grandes lojas no frete que é oferecido e, muitas vezes, nem nos preços praticados.

Veja quais são os principais erros cometidos na hora de gerenciar as lojas virtuais

Abaixo, segue uma lista dos principais erros que costumam ser cometidos na hora de gerir um comércio eletrônico. No geral, são posicionamentos que acabam parecendo básicos, mas que podem acabar acarretando no fracasso ou no sucesso do seu projeto de loja virtual.

1 – Falta de planejamento estratégico:

Como já foi dito várias vezes nesse texto, se planejar é fundamental para que o negócio possa prosperar. São muitos os empreendedores que costumam subestimar a complexidade dos negócios, as rotinas e as ferramentas ideais que devem ser utilizadas.Isso acaba fazendo os custos operacionais aumentar e isso faz com que haja menor margem de lucro e perda de competitividade.

2 – Pouco foco na realização do projeto:

Esse erro é bem comum entre aqueles que estão começando a empreender no comércio eletrônico e acabam querendo vender de tudo um pouco. E isso não funciona para pequenos empresários. O mercado virtual se concentra em nichos de mercado, em que há possibilidade de se conseguir bons lucros.

3 – Falta de mão de obra qualificada:

é fundamental que você tenha mão de obra qualificada gerindo o seu trabalho. Para conseguir administrar um comércio eletrônico, é necessário que você tenha muito conhecimento sobre a internet ou sobre o mundo online. Então, é fundamental saber fazer a manutenção e o gerenciamento correto de uma loja vritual em áreas como otimização para ferramentas de busca, monitoramento de tráfego e marketing digital.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Baixe planilha de análise de concorrência
>Baixe e-book com 6 maiores erros de quem faz anúncios
>Baixe e-book de como capturar e-mail

Seguindo essas dicas e tendo foco no seu projeto, as chances de conseguir alcançar bons lucros com o seu negócio virtual irá crescer muito. Então, se aprofunde, pesquise e só depois coloque seu comércio eletrônico em funcionamento.