Loja virtual de roupas dos anos 60

Loja virtual de roupas dos anos 60

3280
0
Loja virtual de roupas dos anos 60
Loja virtual de roupas dos anos 60

Como criar uma Loja virtual de roupas dos anos 60?Leia nesse artigo algumas dicas importantes para você criar a sua loja Virtual desse segmento

 

Ano após ano, o comércio eletrônico de roupas vem crescendo no país. O Brasil vende cada vez mais pela internet e a venda de peças de roupas vem crescendo exponencialmente. Parte dessa mudança está no fato de que as lojas passaram a investir mais em seus sites, gerando a confiança necessária que faltava para que os clientes adquirirem os seus produtos.

Simplo 7- Plataforma de e-commerceAssim, suas lojas estão mais confiáveis, suas plataformas mais eficientes, existe possibilidade de trocar a roupa e de fazer a devolução gratuitamente. Dentro dessas características que passaram a ser ofertadas pelo mercado, a venda e compra de roupas passou a ser muito mais efetiva do que alguns anos atrás. Então, é natural que indivíduos passassem a buscar cada vez mais nichos de vendas de roupas. Em um desses que ainda há poucos vendedores online, estão as lojas virtuais de roupas características dos anos 60.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Como montar uma loja virtual
>Como fotografar e editar fotos em sua loja virtual
>Como atrair visitantes gratuitamente para sua loja virtual
>Como vender pelo Facebook e Instagram

 

As roupas vintages estão na moda novamente. São muitas pessoas que buscam peças de quase 60 anos atrás para compor seu look ou para usar em festas a fantasia. Como a dificuldade de encontrar peças características daquele período ainda é muito grande, a um mercado grande e relevante a ser explorado.

Para isso, é claro, é necessário montar um bom estoque, cultivar bons fornecedores – até mesmo existe a possibilidade de fazer bons produtos – ou ter bons costureiros que possam atender a demanda cada vez mais crescente por roupas desse período.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Baixe planilha de análise de concorrência
>Baixe e-book com 6 maiores erros de quem faz anúncios
>Baixe e-book de como capturar e-mail

Por fim, de nada adianta fazer tudo isso caso você não invista corretamente em publicidade. E aqui, a publicidade precisa ser baseada nas redes sociais, principalmente aquelas mais voltadas para as imagens, como o Instagram e o Facebook. Então, vale investir em conteúdo exclusivo para essas duas redes sociais, com muitas fotos de looks e de roupas, como também alertas de promoções, prêmios e competições que façam sua página se tornar um ponto de encontro daqueles que buscam reviver os anos 60.

 

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Como recuperar 30% pedidos pagos por boleto
>Saiba por que usar e-mail marketing na sua loja
>Faça parte da Lista Vip DLoja Virtual

Dicas para conseguir abrir uma loja virtual de roupas

Abaixo passamos dez dicas para a criação de uma loja virtual de roupas dos anos 60. Confira:

Layout:

O Layout consiste na estrutura da tela em que os usuários acessam no comércio eletrônico. São os gráficos, imagens, links e vídeos que representam parte da página. Então, para estar acima da concorrência, é necessário investir na contratação de designs para que sua loja tenha um perfil atualizado, além de ter uma identidade própria, uma boa usabilidade e taxonomia.

Navegação do site:


Precisa ser simples, ou seja, as pessoas precisam conseguir mexer no site de forma simples. Seu site precisa ter um carrinho de compras, login, central de atendimento e campo de buscas por produtos. Siga o exemplo de grandes marcas no momento de escolher sua plataforma.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Veja 3 Ferramentas para monitorar seu mercado
>Aprenda como usar o CANVA
>Aprenda como usar o Google Analytics em sua loja virtual

Menu da loja:

É o guia de navegação do usuário, então tem que ser intuitivo e simples. Não coloque muitas informações e evite a poluição desnecessária.

 

Conteúdo adicional e rodapé:

A grande maioria das lojas virtuais trazem informações adicionais no rodapé organizadas de forma simples e eficiente, como dúvidas frequentes, selos de segurança, atalhos para redes sociais e formas de pagamento. Então, faça o mesmo.

 

Fotos:

para seu comércio eletrônico ter sucesso, é fundamental que você capriche na hora de fazer fotos. Ela é o único modo de seu cliente observar o produto. Então, as imagens precisam ser nitidez e ter ótimas condições. Quanto maior a qualidade, mais chances de ser desejada pelo cliente.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Como atrair cliente com e-mail marketing
>7 dicas para começar a usar o Youtube
>Saiba se seu site está otimizado

Descrição dos produtos:

Para que o produto que você está vendendo seja facilmente encontrado, é importante que ele seja encontrado rapidamente na internet. Então, defina palavras-chave principais que levem de forma direta até as imagens.

Central de atendimento:

É fundamental ter um bom atendimento pré e pós venda. Funcionários atendentes devem conhecer muito bem seus produtos e conseguir tirar as dúvidas dos clientes.

Ofereça garantia de troca gratuita:

Oferecer a possibilidade de troca sem custos para o cliente gera confiança e segurança para o cliente, que se sentirá mais tranquilo na hora de adquirir produtos.

Várias opções de pagamentos:

Oferecer múltiplas opções de pagamento é uma das maneiras mais eficazes de conseguir fechar suas compras. Clientes possuem necessidades muitas distintas e desejam fazer compras de formas variadas. Então ofereça distintas possibilidades para os seus clientes.

Tenha vários selos de segurança:

Comprar da internet ainda gera insegurança de muitas pessoas. Então, ofereça selos de segurança para garantir que seu site tem a tecnologia apropriada para que o cliente não tenha nenhuma perda por ter comprado com você. Atualmente, todos os bons sites possuem vários sistemas que protegem os dados dos seus clientes.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Baixe a planilha de planejamento de ações de marketing
>Baixe e-book para datas comemorativas

Informações úteis na hora de abrir o próprio negócio

Caso você ainda não possua uma loja física, saiba que será necessário abrir um CNPJ para a sua empresa. Nesses casos, você tem duas possibilidades. Uma das alternativas é contratar um contador e entregar todo o processo de criação da sua empresa na mão dele. Ele fará tudo para você e caberá a você apenas pagá-lo e depois administrar sua loja de roupas dos anos 60. A outra alternativa é mais barata, mas leva um tempo maior.

Nesse caso, você pode fazer seu próprio CNPJ pelo site da Receita Federal. Mas para tanto, é recomendado que você assista o curso feito pelo próprio site da Receita, que auxilia no processo de abertura da própria empresa.

Agora, caso você já tenha uma loja física dos anos 60, você tem a possibilidade de apenas abrir sua loja virtual e incorporar os dados da sua unidade física. Isso acaba sendo um positivo complemento para o seu negócio, já que amplia sua margem para conseguir bons lucros. É claro que para isso é necessário escolher um bom domínio.

O domínio de um site nada mais é do que o nome que você digita para entrar na sua página. Então, deixe o mais simples possível. Quanto menor, mais fácil de ser lembrado. Cumprida essa etapa, lembre-se de contratar uma boa plataforma, que seja simples, prática e intuitiva. Ela será essencial para o sucesso do seu negócio.

Artigo anteriorLoja virtual para decoração de festa
Próximo artigoO que é variação do produto em uma loja virtual
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA