(11) 4118-9290 - São Paulo (SP) Clique aqui

REDES

Estoque de loja virtual: conheça os diferentes tipos de estoque e aprenda como administrar

Por Marcio Eugênio | 25/09/2019
7545
|
0
Estoque de loja virtual: conheça os diferentes tipos de estoque e aprenda como administrar

A gestão do estoque de uma loja virtual é uma tarefa que exige muita atenção. Afinal, as mercadorias são o ponto central da empresa e, se não tiverem organizadas, colocam em risco todo o funcionamento do negócio. Justamente por isso, alguns empreendedores decidem trabalhar em modalidades que não precisam de estoque.

Essa é uma alternativa – mas não é a única. Aprender a gerir o estoque com métodos e muita organização também pode ser uma opção viável para quem quer vender pela internet. Se você está pensando em começar as vendas online e tem dúvidas sobre o tema, aprenda tudo sobre estoque de loja virtual.

O QUE É ESTOQUE DE LOJA?

O estoque de uma loja virtual diz respeito ao gerenciamento dos produtos vendidos pela marca. Se um e-commerce trabalha com a comercialização de camisetas, o estoque será todos os produtos que estiverem prontos para enviar para os clientes. Se a marca também trabalha com produção dos próprios itens, o estoque também poderá se referir aos insumos.

Se você verificar que a sua marca tem 20 camisetas a pronta entrega, sendo 10 brancas e 10 pretas, você terá que contabilizar isso na gestão de estoque. Assim não correrá o risco de vender mais camisetas do que tem disponível. Da mesma forma, será necessário registrar os tamanhos (P, M, G e GG) dos produtos.

ESTOQUE DE LOJA VIRTUAL PARA INICIANTES

Se você está começando a vender online e tem dúvidas sobre como gerenciar o estoque de loja virtual, não se preocupe. Embora pareça complexo, você não precisará recorrer a uma empresa profissional. Basta utilizar uma planilha do Excel para registrar as informações sobre o controle de estoque.

O serviço externo de gestão de estoque se fará necessário quando o seu volume de vendas aumentar e a sua oferta de produtos se diversificar. Nesse caso, você poderá utilizar algum software especializado em estoques ou até terceirizar a tarefa.

COMO FAZER ESTOQUE DE LOJA?

Muitas pessoas que estão iniciando no mercado digital têm dúvidas sobre como fazer o estoque do comércio eletrônico. De fato, criar e manter o estoque exige investimento e muita organização. Pensando nisso, preparamos algumas dicas para que você possa criar e controlar o estoque loja virtual de forma bem assertiva:

CONSIDERE O QUE MAIS VENDE E O QUE MENOS VENDE

Você sabe quais produtos do seu e-commerce tem mais procura? Conhecer essa informação é bem importante para direcionar os esforços para atender essa demanda. A sua loja deve ter um produto estrela, que é o item principal, e é nele que devem estar direcionados os esforços de gestão de estoque. 

O LOCAL DO ESTOQUE DEVE ESTAR LIMPO E ORGANIZADO

O local do estoque deve ser arejado, protegido e muito limpo. Além disso, o ambiente deve ter uma boa distribuição para a locomoção dos produtos e deve ser organizado de forma que seja fácil localizar os diferentes tipos de produtos nas prateleiras. Desta forma será muito mais simples de acessar os produtos e de manter o seu controle organizado.

RESOLVA OS PROBLEMAS DE ENTREGA

Uma boa gestão de estoque evita problemas, como, por exemplo, vender um item que não está disponível no estoque. Evite que isso ocorra, mas se acontecer, dialogue com o cliente e apresente produtos semelhantes. Se ele não aceitar, devolva o valor pago. Lembre-se que a falha foi sua e resolva de uma forma que o cliente fique satisfeito. 

VANTAGENS DO ESTOQUE DE LOJA VIRTUAL

As vantagens de organizar o estoque de loja virtual são inúmeras. Com tantos motivos, a dúvida é: por que não manter o estoque do e-commerce em ordem? Lembre-se que nesta modalidade de vendas o gestor centraliza muitas tarefas. Manter o estoque organizado é uma forma de fazer com que sobre mais tempo para outras atividades.

Confira as vantagens do estoque de loja online:

  • Otimizar o uso do capital de giro do negócio
  • Evitar atrasos no fornecimento de materiais e de componentes
  • Suprir as necessidades de vendas na medida da demanda
  • Evitar a obsolescência e os desvios de produtos de e materiais
  • Adequar-se às cotas de fornecimento
  • Liberar espaços produtivos
  • Identificar produtos que estão sem giro
  • Conhecer a influência do estoque nos resultados financeiros
  • Estratégia frente ao capital de giro e o atendimento a clientes

OS 5 MANDAMENTOS DA GESTÃO DE ESTOQUE

Para deixar a tarefa de gestão de estoque mais fácil, apresentamos aqui os 5 mandamentos para a organização do estoque do seu e-commerce:

  1. Quanto mais área você ocupa com a armazenagem, menos área fica disponível para as vendas!
  2. Um lugar para cada artigo e um artigo em cada lugar. Acomode artigos diferentes em locais diferentes.
  3. Nunca estoque o desnecessário.
  4. O estoque não deve estar alto quando o caixa (dinheiro disponível) está baixo.
  5. O nível dos estoques deve acompanhar a venda dos produtos.

COMO ADMINISTRAR ESTOQUE DE LOJA VIRTUAL?

Em um primeiro momento, a gestão de estoque de loja virtual parece um bicho de sete cabeças. Como dar conta de diferentes produtos, falar com fornecedores, registrar as vendas e atualizar a planilha? No entanto, com a prática tudo se torna mais fácil. Veja essas dicas:

  • Planejar o estoque hoje é zelar pelo capital de giro amanhã!
  • Inventários periódicos auxiliam na identificação de furtos ou desvios de estoques.
  • O custo de aquisição dos artigos é importante. Mantenha-o sempre registrado!
  • Sistemas informatizados ágeis facilitam controle, gestão e consulta aos estoques!
  • Controle a validade e a aceitabilidade dos itens de estoques.
  • Comprar bem é comprar o produto certo, na qualidade adequada, no tempo e na quantidade certa!
  • O controle visual dos artigos estocados é tão ou mais importante que relatórios informatizados.

ESTOQUE IDEAL PARA LOJA DE ROUPAS

Você já ouviu falar no método PEPS? A sigla significa que o primeiro produto que entra é o primeiro produto a sair. Em uma loja de roupas, por exemplo, a primeira peça que entra no estoque deve ser a primeira a sair. O raciocínio é simples: dê preferência para tirar um produto antigo do estoque.

O PEPS é muito usado em produtos perecíveis, pois faz o produto mais antigo ser vendido primeiro. Além disso, a técnica facilita a gestão financeira. Lembre-se que você trabalha com o preço de custo dos produtos, então pode comparar o preço do produto de acordo com a situação econômica do momento em que o adquiriu.

TIPOS DE ESTOQUE PARA LOJA VIRTUAL

Já deu para entender que as lojas precisam de uma logística bem elaborada para dar conta do estoque, né? Parece exagero, mas os erros de logística são um dos principais motivos para o atraso no envio da encomenda. Para evitar que isso aconteça, desde já tenha em mente que a gestão de estoque deverá ser conduzida com excelência.

No mundo do e-commerce, existem muitas formas de estruturar a organização do estoque. A adoção de um determinado modelo dependerá das características do negócio. Conheça aqui as diferentes formas de gerenciar o estoque de loja virtual.

ESTOQUE FÍSICO ÚNICO

Nesse caso, o espaço onde você dispõe seus produtos é abastecido de acordo com a demanda de vendas de sua loja. Ou seja, ele não depende de terceiros para funcionar. Um dos pontos positivos do método é a possibilidade de vender o produto a pronta entrega. O ponto negativo é que quando não há demanda suficiente, há sobra de produtos.

ESTOQUE FÍSICO DESCENTRALIZADO

Essa forma serve para quem tem entregas sazonais ou em diferentes pontos do país. O método trabalha com filiais de estoque, como galpões. No entanto, exige um gasto maior, já que necessita de um espaço extra para o armazenamento. Assim, é ideal principalmente para empresas de grande porte ou que atendam várias regiões geográficas.

ESTOQUE FÍSICO COMPARTILHADO

Nesse caso, o estoque da loja física e da loja virtual ficam no mesmo ambiente. Para que o método funcione de forma adequada, o ideal é sincronizar os pedidos de compra física e virtual, sem que haja o risco de vender um item para duas pessoas diferentes.

ESTOQUE CONSIGNADO

Essa modalidade funciona através de um acordo entre o lojista e o fornecedor. Caso o lojista não venda todos os itens, poderá devolver o excedente e pagar somente pelo que foi comercializado. Desse modo, a loja não assume o risco do excesso de estoque. O lado negativo é que muitas vezes o fornecedor cobra mais caro para aderir à modalidade. 

ESTOQUE DE TERCEIRO

Aqui, o fornecedor define a quantidade que o lojista receberá para a sua loja. O recurso é usado principalmente em lojas virtuais de multimarcas. O lado positivo é a facilidade em gerir o estoque, enquanto o lado negativo é a limitação de produtos para a venda. 

TERCEIRIZAÇÃO

A terceirização tem duas formas diferentes de ser conduzida. A primeira é a DropShipping, também conhecida como triangulação. Nela, é criado um sistema integrado com a distribuidora, que fica responsável pela entrega do produto para o cliente final.

CROSS DOCKING

A outra modalidade é a Cross Docking. A diferença é que nesse caso a empresa distribuidora entrega o produto ao lojista, que fica responsável pela entrega ao cliente final. Ambas modalidades têm como vantagem a redução de espaço para estoque e a automação do sistema. No entanto, deixam tudo centralizado com o fornecedor.

COMO ESCOLHER O TIPO DE ESTOQUE PARA LOJA VIRTUAL?

Como escolher a melhor forma de gerenciar o seu negócio, entre tantos tipos de estoque? A decisão precisa ser avaliada levando em consideração o porte da sua empresa, o seu investimento no negócio e o produto que você vende. Para bater o martelo, o ideal é que você se dedique a pesquisar bastante.

Além disso, se você decidir trabalhar em conjunto com um fornecedor, verifique a reputação da empresa filiada e certifique-se que ela vai cumprir o que foi contratado. É claro que o preço importa bastante, mas a seriedade das empresas que trabalharão com você é fundamental para seu negócio andar para frente. 

SEGURANÇA DO ESTOQUE

A segurança do estoque deve ser sempre lembrada. Independente se o responsável pelo armazenamento foi você ou uma empresa parceira, verifique se os produtos estarão protegidos de ações do tempo como sol, chuva e vento. Além disso, os itens deverão estar protegido de roubos, furtos e perdas. 

SIGA O PLANEJAMENTO

Antes de começar o negócio, você fez um planejamento. Correto? Então siga-o à risca e só o modifique se isso se justificar. Lembre-se que quanto mais próximo do seu planejamento inicial o seu negócio estiver, mais próximo ele terá o lucro.

SEMPRE PENSE COMO UM COMPRADOR

Esse exercício é ótimo para aqueles momentos em que bater dúvida sobre algumas decisões. Pense o que o seu consumidor espera de um e-commerce e o que fez com que ele escolhesse dentre tantas possibilidades. Tendo isso em vista, dedique-se a oferecer o melhor serviço possível.

Esse conteúdo foi útil para você? Agora que você já sabe tudo sobre estoque de loja virtual, que tal entender quais são as formas para enviar produtos para seus clientes? Confira esse guia completo para enviar encomendas pelos Correios. Boa leitura!

Marcio Eugênio

Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

Posts relacionados