Aprenda os truques de como vender vinho

Aprenda os truques de como vender vinho

8079
0
Aprenda os truques de como vender vinho
Aprenda os truques de como vender vinho

Leia nesse artigo dicas e informações e aprenda os truques de como vender vinho.

Aprenda os truques de como vender vinho.Escolher que tipo de produto ou serviço você irá oferecer aos clientes antes de abrir seu próprio negócio é uma questão bastante difícil. É necessário que seja algo atrativo, que contenha novidades, uma grande variedade, tenha demanda no mercado e, principalmente, seja uma ideia de negócio lucrativo. Dentre as várias opções que atendem à esse requisito está a comercialização de vinhos.

Assista Webnário para montar loja virtual
Veja 8  dicas para montar uma loja virtual
Baixe E-book Gestão de e-commerce para PME
Assista a Palestra: E-commerce Do Zero Aos Resultados Em 6 Etapas

Trata-se de uma aventura bastante interessante, que pode ser extremamente lucrativa. Entretanto, é necessário saber como vender vinho. Afinal, não se trata de uma mercadoria qualquer, em que o cliente simplesmente entra na loja, seleciona a marca de maior sucesso, paga pelo produto e o consume normalmente. A venda do vinho é um trabalho que requer atenção em alguns pontos especiais, principalmente se seu objetivo for que isso se torne sua principal fonte de renda.

Para se tornar um comerciante e saber como vender vinho, é necessário ser um amante do produto. É essencial saber os principais gostos do público e por qual motivo um tipo se diferencia tanto do outro.

A grande diversidade em relação ao preço e sabor desse produto, faz com que os consumidores sintam a necessidade de um atendimento especial, seja em casas de vinho, restaurante ou festas. Confira as principais características que devem ser consideradas para a venda adequada desse produto.

Tenha uma fonte fixa de estoque de vinho

Quem possui um estabelecimento de comércio exclusivo para vinhos e outras bebidas especiais, sabe que a melhor coisa a se fazer é buscar meios de fidelizar seus clientes. Diferente da compra de um refrigerante, por exemplo, o cliente que compra vinho não busca esses produtos em qualquer lugar.

7 dicas para começar a usar o Youtube
Saiba se seu site está otimizado
Baixe a planilha de planejamento de ações de marketing

Baixe e-book para datas comemorativas

É comum escolher uma casa específica, que saiba como vender para fazer suas compras frequentemente. Por isso, como empreendedor, é preciso enxergar uma oportunidade de ouro nessa situação.

Já que o número de clientes é normalmente limitado a um público selecionado, é dever do lojista conhecer os gostos, manter contato e fazer o máximo que puder para incentivar o retorno desses consumidores. Por isso, é necessário ter uma fonte fixa de estoque para que esses produtos sejam garantidos.

Com base nas preferências do público, é possível fazer uma reserva maior e até mesmo escolher alguns produtos diferenciados para oferecer, de acordo com o gosto do cliente que já é conhecido. Assim, a demanda do público é atendida e eles se tornam fiéis ao seu negócio. Além disso, você economiza ao fazer encomendas.

Baixe planilha de análise de concorrência
Baixe e-book com 6 maiores erros de quem faz anúncios
Baixe e-book de como capturar e-mail

Faça uma parceria com um atacadista de vinho que seja confiável e útil no momento de uma emergência. É importante ter um parceiro nessas horas para encontrar variados tipos de bebida e garantir o melhor preço.

Autorizações e documentos necessários para vender vinho

Uma informação muito importante e que muita gente não sabe sobre como vender vinho é o fato de que são necessárias algumas autorizações para dar início a esse tipo de negócio. Além de constituir uma empresa formalmente e adquirir toda a regularização para uma loja de varejo comum, a venda desse tipo de bebida exige algumas documentações extras, por se tratar da venda de bebidas alcoólicas.

Na via das dúvidas, consulte um profissional que está acostumado a lidar com questões de empresas varejistas para que ele te informe sobre a papelada requisitada para compra e venda de vinho.

Como recuperar 30% pedidos pagos por boleto
Saiba por que usar e-mail marketing na sua loja
Faça parte da Lista Vip DLoja Virtual

Além disso, caso você opte por venda online ou entrega à domicílio dos produtos, existem algumas outras autorizações a serem adquiridas. As principais delas dizem respeito ao envio local, interestadual e internacional. Cada situação requer documentos e autorizações diferentes, portanto, fique atento!

Divulgue a venda do vinho da maneira certa

Você dificilmente irá encontrar alguém que compre vinho apenas para ocasiões especiais. Se você quer por em prática a principal dica sobre como vender vinho, tenha em mente que seu público é extremamente específico, costuma ter um conhecimento avançado sobre o assunto, é bastante exigente e, em geral, tem um poder aquisitivo mais alto. Além das pessoas presentes em seu círculo social, é interessante divulgar a venda para quem você ainda não conhece.

No que diz respeito à alcançar esse público, o trabalho de uma boa assessoria de comunicação e publicidade pode fazer toda a diferença. Ao vender vinho, você estará entrando em um mercado de consumidores que, em geral, tem alto poder aquisitivo e não abrem mão de uma bebida de qualidade, independente do preço a ser pago por ela.

Por isso, o investimento na visibilidade de sua empresa é essencial. Contrate um profissional de qualidade e com experiência na divulgação desse tipo de produto e comece a fazer o planejamento de marketing de todas as suas ações.

Ao contrário do que muitos imaginam, os custos com a publicidade, principalmente no que diz respeito aos meios de comunicação digitais, podem ser bastante baratos. É necessário fazer uma pesquisa de mercado e utilizar as ferramentas corretas para divulgar seu produto, de acordo com o orçamento disponível.

Como vender vinho em feiras e eventos

Além das vendas locais ou por encomenda para seus clientes já conhecidos, outra forma de vender vinho que é extremamente eficaz é por meio da participação em feiras e eventos destinados a produtores e comerciantes desse segmento. Toda capital costuma ter uma dessas pelo menos uma vez por ano. Além disso, vale a pena viajar para cidades do interior, se for necessário, para conhecer um pouco mais do mercado.

É importante ressaltar que além da ótima oportunidade para mostrar sua empresa, produtos e serviços, participar desse tipo de evento é sinônimo de networking. O principal objetivo aqui não é conquistar novos clientes, mas sim firmar parcerias com outros empreendedores.

Frequentando essas feiras você irá descobrir as novidades do mercado, encontrar produtos diferenciados para seu negócio, conhecer possíveis fornecedores, além de conquistar clientes que podem comprar produtos em uma quantidade elevada, desde que sua empresa se destaque entre as demais.

Nesse ambiente, seu negócio precisa ser visto como algo extremamente sério e com grande comprometimento. Saber como vender vinho é, literalmente, entender de uma arte. Portanto, você deve fazer questão de aprender com os melhores e se tornar conhecido nesse mercado.

Sempre que possível, participe de conferências e todo tipo de evento em que seu trabalho pode se tornar mais popular, para novas oportunidades de investimento possam ser conquistas.

Artigo anteriorO modelo Canvas como parceiro em seu dia a dia
Próximo artigoComo funciona o Mercado Pago
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA