Loja virtual estoque terceirizado: é possível? Vantagens e desvantagens

Loja virtual estoque terceirizado: é possível? Vantagens e desvantagens

6973
0
Como criar sites de vendas - D Loja Virtual
Como criar sites de vendas - D Loja Virtual

Há muito tempo isso seria impossível de imaginar. Mas existe um grande número de pessoas que hoje já não sabe mais o que é ir em uma loja física. Cresce cada vez mais o número de consumidores que estão deixando as lojas físicas em segunda opção para poderem aderir aos serviços apresentados pelas lojas virtuais e, com isso, não precisam deixar o conforto da sua casa para adquirir os produtos que desejam.

Juntamente com isso, há um aumento da demanda de produtos, o que faz que haja crescimento das vendas e o que acabou impactando diretamente em um grande problema para o comércio eletrônico: como conseguir controlar o estoque.

Devido ao grande desafio que é conseguir manter um estoque em alta e com uma grande possibilidade de produtos de forma variada, há um grande número de gestores que passaram a optar por vir a terceirizar o estoque, sendo que dependendo do modelo do negócio, isso pode vir a ser algo muito benéfico para o comércio eletrônico. Se você é empreendedor e está buscando entender melhor essa categoria de comércio eletrônico, entenda se é possível ter uma loja virtual estoque terceirizado? Quais são as vantagens e desvantagens da terceirização de estoque? Como vender? Descubra aqui!

O QUE É ESTOQUE TERCEIRIZADO?

Um comércio eletrônico com estoque terceirizado consiste de forma básica em um serviço em que se contrata um distribuidor de determinadas mercadorias. Este, por sua vez, ficará responsável por gerir todos os pedidos e de lidar com o controle de estoque, com a separação do produto e, dependendo do tipo de terceirização que tiver sido adotado, de também realizar o despacho da mercadoria adquirida por um cliente.

Desse modo, podemos falar que o estoque terceirizado acaba funcionando do seguinte modo: logo após um cliente realizar a compra, o pedido acaba sendo enviado de forma direta para o sistema do fornecedor.

A este, cabe o papel de ficar responsável por fazer a separação do pedido no armazém para e-commerce de conseguir realizar o controle do estoque dos produtos e, após isso, de fazer o correto envio da mercadoria que tiver sido adquirida pelo cliente.

É POSSÍVEL MONTAR LOJA VIRTUAL COM ESTOQUE TERCEIRIZADO?

Hoje, começar um negócio é mais fácil do que nunca. Com as empresas de internet crescendo, você não precisa mais de muito recurso para ter um negócio funcionando. Na verdade, você nem precisa de nenhum investimento. 

Existem maneiras de você lançar uma loja online sem ter que gastar muito dinheiro. Com cerca de alguns reais, você pode comprar um nome de domínio, pagar por alguns meses de serviço em uma plataforma de e-commerce e dar o pontapé inicial sem gastar um centavo no estoque.

Absolutamente! Existem inúmeros modelos de negócios disponíveis para comerciantes online e vamos abordar sobre loja virtual com estoque terceirizado. Não há necessidade de gastar milhares de dólares em estoque, não há necessidade de alugar um armazém para os seus produtos e não há necessidade de contrair um empréstimo comercial.

Além disso, o lançamento de uma empresa sem estoque também pode significar muito menos etapas necessárias no seu comportamento. Por exemplo, se você realmente realizar o inventário, você será responsável por embalagem, rotulagem e envio dos produtos. Por outro lado, se você usar centros de distribuição de terceiros, eles cuidarão de todas essas tarefas em seu nome.

No entanto, é importante notar que, sem um investimento inicial, você provavelmente terá que fazer muito mais esforço. Para ter sucesso, você terá que derramar muito suor em seu novo negócio. Isso pode significar ficar acordado até tarde da noite, gastando cada minuto livre do seu tempo no crescimento de sua empresa e realmente acreditando no seu negócio. Se você fizer isso, você pode se tornar seu próprio chefe em pouco tempo com uma renda estável que tem o potencial de ser imensa.

VANTAGENS DA LOJA VIRTUAL COM ESTOQUE TERCEIRIZADO

É muito possível lançar um negócio sem gastar um centavo em estoque. Dropshipping, referências de produtos afiliados, produtos digitais e serviços online são apenas alguns modelos de negócios que não exigem estoque. No entanto, isso não significa que eles são a solução perfeita para suas necessidades. Vamos expandir alguns dos principais prós e contras de possuir uma empresa que possui estoque terceirizado para que você possa entender melhor se esse modelo de negócios é ou não a escolha certa para suas necessidades.

GRANDE DISPONIBILIDADE DE PRODUTOS

Como o estoque de todas as mercadorias que você vender no seu comércio eletrônico estarão centralizadas em uma estrutura própria a comando dos fornecedores, será praticamente impossível que possa existir algum tipo de indisponibilidade de qualquer produto. A não ser que haja, é claro, limitações dos fabricantes.

Do mesmo modo, mesmo que a demanda de um determinado produto esteja registrando uma alta saída, ele ainda assim estará armazenado nos centros de distribuidores em uma grande quantidade. O objetivo disso, como se imagina, é conseguir evitar que o cliente acaba se deparando com aquela típica mensagem de “produto indisponível”. Nada mais desagradável do que perder uma venda por isso.

REDUÇÃO DE CUSTO

Não são gastos ínfimos e nem pequenos os necessários para que sejam mantidos de forma correta todos os processos logísticos ágeis e funcionais. Por isso se opta por terceirizar o estoque, com todos esses gastos com estrutura acabando por ser transferidos de forma direta para os centros de distribuição das empresas.

Desse modo, assim que um pedido tiver sido efetivado, o mesmo irá ser enviado para o sistema definido pelos fornecedores que, em seguida, irão poder alocar todos os recursos humanos disponíveis, espaciais e tecnológicos, ou seja, de armazéns, maquinário, colaboradores e de sistema de informação, para vir a manter a operação efetiva.

EXPANSÃO DAS CATEGORIAS

Além das características acima, essa é uma das excelentes possibilidades que a terceirização do estoque irá oferecer a quem recorrer a ela. Isso acontece porque uma vez que não seja preciso alocar altos recursos financeiros para que se venha formar o estoque em um armazém próprio, será facilmente possível que seja aumentada a variedade de produtos que devem ser oferecidos para os clientes.

Assim, por meio da formação de diversas parcerias com fornecedores e com fabricantes, se torna possível que seja feita a venda de produtos muito específicos, ou seja, de nichos. O principal motivo disso será o fato de que não haverá necessidade de tê-los em estoque, apenas de mantê-los disponíveis na sua plataforma de venda, já que eles estarão armazenados pelos fornecedores.

DESVANTAGENS DA LOJA VIRTUAL COM ESTOQUE TERCEIRIZADO

ATRASOS NO ENVIO

Se você não está mantendo nenhum estoque, é provável que você esteja contando com distribuidores chineses para lidar com as tarefas para você. Isso muitas vezes pode resultar em atrasos de transporte. A maioria dos compradores online espera receber seus itens em menos de uma semana, mas ao usar distribuidores de terceiros da China, o atraso de entrega pode chegar a até 1 mês. Isso pode resultar na perda de clientes e na má reputação de sua empresa.

TOTALMENTE DEPENDENTE DO SEU FORNECEDOR

Se você gosta de ter controle total sobre tudo, essa não é a melhor abordagem para você. Ao desenvolver um negócio sem estoque, você precisará colocar 100% da sua confiança em seu fornecedor. 

Eles serão responsáveis ​​pela qualidade do produto, prazos de entrega, devoluções e muito mais. Na verdade, você não lida com os produtos e, na maioria dos casos, nunca verá os produtos, de modo que ficará completamente dependente das capacidades do seu fornecedor.

RETORNOS COMPLICADOS

Se seus clientes quiserem devolver um produto ou se tiverem problemas usando um dos seus produtos, eles virão até você. Você terá que entrar em contato com seu fornecedor e aguardar sua resposta. Sem qualquer controle direto sobre os produtos, você é sempre um intermediário. Isso causa atrasos na comunicação e mal entendidos, o que pode realmente complicar retornos ou problemas ao usar produtos. Na maioria dos casos, isso também faz com que você tenha um péssimo atendimento ao cliente, o que é muito ruim para a reputação da sua marca.

PROBLEMAS DE BRANDING E EMBALAGEM

Quando você vende itens sob sua marca, adicione seu próprio logotipo ou rótulo. Nem todos os fornecedores estão dispostos a fazer o possível para que isso aconteça. Isso pode resultar em nenhuma marca da sua empresa. Além disso, você pode querer ter uma embalagem de qualidade com padrões de segurança. No entanto, a maioria dos fornecedores escolherá os métodos de embalagem mais baratos disponíveis, independentemente das suas necessidades.

QUAL O MELHOR MOMENTO DE UTILIZAR O ESTOQUE TERCEIRIZADO?

A terceirização pode vir a ser algo que traga muitos benefícios para certos modelos bem específicos de negócio. Sendo assim, caso o seu comércio eletrônico seja de pequeno porte e por isso ainda não tenha uma demanda gigante, a alternativa pode acabar ficando um pouco inviável. Isso se deve ao fato de que ter um armazém próprio seria o mais indicado, já que geraria um melhor e maior controle da mercadoria que você possui.

Além disso, a terceirização de estoque pode acarretar em um maior custo de software, devido ao fato de que os dados de transporte, de estoque e de venda também acabarão sendo alocados em um sistema externo.

ELABORE UMA ESTRUTURA INTEGRADA

Para que seja possível obter o mesmo controle que se alcançaria com um sistema tradicional você poderá exigir que seja elaborada uma estrutura integrada. Dessa forma, há o processo de devolução que também é prejudicado e isso acaba afetando a margem de lucro sobre os produtos, que acaba sendo reduzida.

Com essas informações, é preciso enfatizar que a melhor forma de se definir qual o modelo ideal do controle de estoque é realizar uma análise detalhada de todo o comércio eletrônico, levando em conta o tamanho da loja virtual, os custos gerais, a demanda de produtos e as projeções de lucro futuro.

TIPOS DE ESTOQUE TERCEIRIZADO EM E-­COMMERCE

Um dos principais objetivos de quem possui um e­-commerce é a possibilidade de distribuir seus produtos para todo o Brasil em sites de venda, e quem sabe até exportar para fora do país. Para isso, é necessário ter produtos de qualidade e com disponibilidade de entrega imediata. Para quem está começando nesse mercado, a vasta quantidade de produtos a serem oferecidos pode ser um impedimento. Entretanto esse problema pode ser solucionado por meio de um estoque terceirizado.

ESTOQUE CONSIGNADO

Existem duas formas de trabalhar estocando produtos sem possuir um armazém para e-commerce próprio: por meio de consignação ou dropshipping. No que diz respeito a primeira alternativa, o empreendedor terá a possibilidade de ter disponível uma quantidade específica dos produtos que anuncia em seu site. Ele adquire a mercadoria de forma condicional, o que significa que ele só pagará caso os itens sejam vendidos em seu site em um prazo que é combinada previamente. Caso contrário, o fornecedor continua com seus produtos.

Nesse caso, a característica mais interessante para o dono de um e-commerce é que nunca haverá estoque excedente, pois os produtos que não forem repassados não precisam ser pagos.

Nenhuma mercadoria ficará parada, correndo o risco de perder a validade, por exemplo. Para que o fornecedor possa oferecer esse tipo de serviço, o lojista terá um custo que será estabelecido por meio de contrato.

DROPSHIPPING

A segunda opção é dropshipping, em que a loja estará terceirizando não só o estoque dos produtos, mas também o serviço de entrega ao cliente. Em resumo, essa é uma opção em que a loja virtual com estoque terceirizado irá funcionar somente como o intermediador entre o fornecedor e o cliente final. Tudo que a empresa tem a fazer é anunciar e conquistar os clientes pela internet. Quando o pedido for feito, basta enviar para o fornecedor, que seleciona e despacha o produto.

Com a segunda opção de estoque terceirizado não há nenhuma taxa pré­-estabelecida em contrato, os ganhos são repassados por meio de comissão do pré-­fixada, como se fosse um simples vendedor de uma empresa maior, apesar de não possuir nenhum vínculo jurídico.

COMO FAZER O CONTROLE DE ESTOQUE TERCEIRIZADO

Para controlar o que está disponível no estoque, é necessário criar um sistema para que as duas empresas se mantenham conectadas, assim não haverá o risco de se vender algo que não está disponível para compra. No caso do contrato consignado, em que o lojista faz uma reserva do que poderá ser vendido, não há nenhuma questão muito complexa.

Você sabe o número exato de peças que adquiriu e deve vender apenas aquela quantidade. Se a procura aumentar, basta procurar o fornecedor, verificar a disponibilidade e fazer uma nova reserva.

Enquanto isso, com a opção de dropshipping, é necessário ter um sistema de controle que conecte o site com a disponibilidade real do estoque. Tudo isso pode ser resolvido com um bom programador de site, mas é necessário que as duas empresas trabalham juntas, pois esse tipo de fornecedor é parceiro de diversas outras lojas. É essencial que você saiba se as mercadorias ainda estão no galpão prontas para entrega ou se outra loja já fez a solicitação dos que restavam.

COMO SABER SE O ESTOQUE TERCEIRIZADO É A MELHOR OPÇÃO?

Em geral, é muito fácil perceber se possuir um estoque terceirizado é a melhor opção para o seu negócio. Se você trabalha com produtos de grandes marcas, que de qualquer forma irão precisar passar pelo estoque do fornecedor antes chegar em suas mãos, talvez a melhor opção seja terceirizar o processo. É tudo uma simples questão de logística, para que os produtos não precisem ser entregues para o revendedor, para só em seguida chegar até o consumidor final.

Já no que diz respeito a produtos escaláveis, que são aqueles personalizados, como artesanatos, mercadorias feitas à mão ou qualquer outro tipo de venda que pode ser alterada para atender os desejos do consumidor, o estoque terceirizado pode não ser uma boa alternativa. Quem busca por esse tipo de compra, está procurando por um serviço diferenciado, com maior proximidade com o vendedor. A experiência de compra e entrega devem ser personalizadas de acordo com a loja em que a venda foi feita. Esse tipo de serviço não é o que o estoque terceirizado permite.

Além disso, é necessário verificar se o tipo de tratamento da mercadoria condiz com o tipo de serviço que você deseja para a entrega de seus produtos. A empresa precisa ser totalmente confiável, pois ela será responsável pelos prazos, embalagens, cuidados, devolução e transporte.

Portanto, se você adora o produto que vende, sua loja virtual com estoque terceirizado se tornará cada vez melhor – especialmente quando tiver que passar longas horas todos os dias trabalhando no crescimento de sua empresa.

Artigo anteriorComo saber quem visitou meu Instagram? 4 ferramentas gratuitas
Próximo artigoComo identificar uma oportunidade de negócio boa e lucrativa? Veja!
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA