Como vender roupas: tudo que precisa saber para montar sua loja virtual

Como vender roupas: tudo que precisa saber para montar sua loja virtual

13634
0
Como vender roupas pela internet e ter sucesso
Como vender roupas pela internet e ter sucesso

Você já se deu conta que entre todas as lojas que existem na internet, muitas delas vendem roupas? Pense em quantas lojas virtuais você conhece e o que tipo de produtos elas vendem. No mínimo uma das lojas lembradas será de roupas.

Olhando assim, pode parecer que é fácil vender roupas pela internet. Mas o cenário é bem concorrido, com lojas virtuais grandes e que possuem lojas físicas maiores ainda. Para participar deste segmento, é preciso conhecer bem o mercado. Descubra aqui como vender roupas na internet:

COMO COMEÇAR A VENDER ROUPAS?

ESCOLHA UM NICHO

O nicho é um segmento com características próprias e com um público que apresenta interesses semelhantes. Pode ser algo mais amplo, como roupas esportivas, ou específico, como roupas íntimas em tamanhos grandes.

O seu objetivo será oferecer produtos ou serviços que atendam às demandas desse nicho. O ideal é explorar novos mercados ou aqueles que não dispõem de tanta atenção dos concorrentes mais fortes do que você.

REALIZE UM PLANEJAMENTO

Você quer saber como vender roupas pela internet gastando menos? O planejamento é o primeiro passo para o sucesso de qualquer negócio, seja ele físico ou virtual, e no segmento de roupas não é diferente.

Comece fazendo um plano de marketing para que você saiba onde e quanto investir. Através deste caminho, você também poderá prever o retorno do dinheiro investido. Vender roupas pela internet é um bom negócio, mas exige planejamento!

ESCOLHA UM SLOGAN

O slogan é uma ótima maneira de transmitir o posicionamento da sua loja virtual. Por exemplo, o slogan da Marisa é: “De mulher para mulher”, o que traz a ideia de proximidade com o público feminino.

Já o slogan da Renner é: “Você tem seu estilo. A Renner tem todos”, mostrando ao consumidor que a loja sempre estará lá para todas as ocasiões. Para você fazer um slogan que esteja de acordo com o propósito da sua marca, deve conhecer bem o produto e ter um público-alvo definido.

INVISTA EM MARKETING DE CONTEÚDO

O Marketing de Conteúdo é a tática utilizada para atrair potenciais clientes por meio de um conteúdo que seja relevante e personalizado para o seu público-alvo. Você pode criar um blog que fale sobre tendências de moda, por exemplo.

Além de gerar interesse pela sua marca, isso vai ranquear melhor o seu site nos resultados das páginas de busca a partir da busca orgânica, o que é muito importante e que pode trazer bons resultados.

DESENVOLVA UMA EMBALAGEM

Nada melhor do que surpreender seu cliente de forma positiva, certo? Aposte em embalagens modernas e originais, que façam com que o seu cliente lembre da sua marca, contribuindo para que a experiência de compra seja ótima do começo ao fim.

FAÇA PARCERIAS

Encontrar bons fornecedores e distribuidores é uma peça chave para gerir um comércio eletrônico com sucesso. Procure fazer parcerias com eles, de modo que seja vantajoso para todos. Na hora de buscar parceiros, não procure apenas os que tenham custo mais barato, mas que ofereçam valor ao seu negócio.

CRIE CONTA NAS REDES SOCIAIS

Hoje em dia, estar presente nas redes sociais não é suficiente. É necessário estar ativo e conseguir engajar os seus clientes. Crie perfis no Facebook e Instagram e faça postagens regularmente. Aprenda como vender suas roupas na internet por meio de mídia paga nas redes sociais.

Uma tendência que costuma oferecer bons resultados é fazer parceria com influenciadores digitais. Normalmente, as empresas enviam suas roupas para blogueiras, por exemplo, para que elas publiquem fotos usando-as e descrevendo sobre seus conceitos.

COMO VENDER ROUPAS: ATRIBUTOS NECESSÁRIOS

Você deve ter sempre em mente que vender roupas pela internet é muito diferente de vender qualquer outro produto, pois, em geral, os consumidores precisam de muitas informações para decidir se compram ou não uma peça de roupa vendida online.

Não faria o menor sentido um e-commerce de chás naturais colocar fotos de frente e verso de cada folha de chá. Mas, quando se trata do segmento de roupas, divulgar imagens com boa qualidade da frente e das costas de cada peça é fundamental para que o cliente veja se o produto coincide com o que ele procura. Veja os atributos básicos para este segmento:

Fotos
Como vender roupas na internet se o cliente não consegue vê-las pessoalmente? A solução é simples: mostrar todos os detalhes do produto através de fotografias. Para isso, é necessário captar boas imagens de frente e de costas do produto.

Tem um detalhe lateral? Faça fotos laterais. Tem um forro diferenciado? Faça uma foto da parte interna. Imagine a decepção de um cliente ao comprar uma camiseta branca e descobrir que tem um dragão nas costas, que ele sequer imaginava, pois o e-commerce só tinha fotos da parte da frente camiseta.

Zoom
Ainda falando em fotos, deixe claro cada detalhe do seu produto e permita que o cliente possa observar a foto em tamanho maior através do zoom. Assim ele decidirá ali mesmo se gosta ou não gosta do acabamento.

Não espere o produto chegar na casa do cliente e ter que ser enviado de volta para sua loja: gastar com frete é bem mais caro do que se dar ao trabalho de colocar fotos com qualidade e possibilidade de zoom.

Medidas
Se você quer trabalhar no segmento de roupas, esteja preparado para deixar as medidas dos produtos extremamente claras no seu site. Faça uma tabelinha de medidas, explique que da parte X até a parte Y a peça mede Z.

Mas atenção: nem todas as suas camisetas vão ter as mesmas medidas, então você vai precisar fazer uma tabela para cada marca ou modelo de camisetas, para que o tamanho informado seja o mesmo que será entregue na casa do cliente.

Outra coisa interessante é dar prioridade para fotos com modelos ou manequins, porque quando tem alguém dentro da roupa, é mais fácil de ter noção do tamanho dela. Deixe claro na descrição qual é o tamanho que está na foto, assim o cliente não pega o GG pensando que vai ficar justinha no corpo como na foto, que era um tamanho M.

Cor
Ninguém quer comprar uma camiseta azul pensando que é verde. Então, mesmo que a cor fique clara nas fotos, diga sempre por escrito. Nem todos os monitores são configurados da mesma forma, então cores parecidas podem parecer outras cores.

Cuidado com os estampados, mesmo que você diga floral, em algum momento especifique: fundo azul com flores amarelas. Assim o cliente poderá ter certeza que essa é a cor mesmo. Dessa forma você nunca poderá ser acusado de enganação, pois a cor do floral estava descrita com detalhes. Não era apenas uma foto de base e a palavra floral na descrição.

Descrição
Além de todos estes itens que já mencionamos, suas peças de roupa precisam de descrição. Coloque o tipo de tecido de cada peça. Numa foto nem sempre fica claro se é algodão ou poliéster.

Além da descrição técnica da roupa, pense como você pode convencer o cliente a comprar seu produto usando os atributos que ele tem. Ideal para dias quentes, para usar nas festas, etc. Bote sua imaginação para funcionar, mas cuidado: não prometa coisas que não podem ser realizadas.

DICAS DE COMO VENDER ROUPAS PELA INTERNET

Agora que você já sabe quais são os itens básicos para vender roupas pela internet, vamos um pouquinho mais além. Os próximos itens o ajudarão a criar um comércio eletrônico muito eficiente e preparado para fazer muitas vendas.

FORNEÇA DICAS DE LOOKS

Uma boa estratégia para valorizar os produtos que você vende é fazer combinações e looks com as roupas disponíveis no site. Por exemplo, quando anunciar uma calça, mostre alternativas de blusas com as quais ela combina. Para fazer isso, você deve configurar os produtos relacionados do seu site, que geralmente mostram que quem levou isso, também comprou aquilo.

CRIE UM BLOG

O blog pode ser um grande aliado para fortalecer o vínculo com seus clientes. Nele você poderá falar de assuntos relacionados com o nicho do seu e-commerce. Se você vende roupas de academia, tem grandes chances dos seus clientes gostarem de musculação, então fale sobre esse assunto, dessa forma você falará a mesma língua do seu público.

INDIQUE PRODUTOS

Pesquise matérias, poste no blog, divulgue dicas nas redes sociais ou até mesmo envie algumas indicações junto com o produto para a casa do cliente. Lembre-se que, cada vez mais, os consumidores não compram somente um produto: compram um estilo de vida.

TENHA UM DIFERENCIAL

Nós conhecemos uma loja que produz e vende sapatos veganos, a Insecta Shoes. Você conhece alguma outra loja de sapatos veganos? Pois é, essa é uma loja que se diferencia das demais. Vá atrás do que você gosta e do que vende no mundo da moda e veja como poderá se diferenciar de quem já está atuando no mercado.

USE OUTROS CANAIS PARA MOSTRAR O SEU PRODUTO

Já pensou em usar o YouTube para mostrar as suas roupas? Quem sabe publicar mini desfiles, ou até mesmo as roupas no manequim, enquanto você mostra todos os detalhes de perto. A Shein faz ótimos vídeos no Instagram, dê uma olhada.

Além de mostrar melhor o seu produto, ao filmar as novidades da sua loja de roupas você também conquistará a confiança dos clientes. Os consumidores gostam de ver que existem pessoas por trás da loja virtual.

IDEIAS PARA ESTRUTURAR O SEU NEGÓCIO E TE AJUDAR A VENDER

Agora, separamos algumas dicas para vender roupas na internet e também ideias para estruturar esse negócio:

 

  • Pense que seu site, blog ou página no Facebook é um negócio no meio online, portanto tem que ser levado a sério e ser profissional;
  • Coloque um nome interessante e atrativo em sua página. Não escolha nomes difíceis de serem lembrados e falados;
  • Escolha bons produtos. Observe a qualidade das roupas, não adianta serem baratas e terem a qualidade ruim. O e-commerce tem que ter preços acessíveis e qualidade;
  • Saiba escolher as roupas. Dê preferência às roupas que você sabe que terão mais saída, observe as tendências da estação e os modelos mais procurados;
  • Diversifique seu estoque de roupas. Tenha variedades de modelos, tamanhos e cores. Trabalhe mais com roupas para mulheres, que têm tendência a comprar mais, e faça anúncio de roupas femininas;
  • Invista na propaganda. Se você quer vender roupas pela internet, surpreenda seus clientes, use mensagens, e-mails e redes sociais para oferecer e fazer propaganda seus produtos;
  • Faça perfis de seus clientes, assim você conseguirá oferecer produtos adequados a cada um deles. Ao tornar sua venda personalizada, você conseguirá mostrar o quanto o cliente é importante para seu negócio.

 

COMO VENDER ROUPAS: LUGARES PARA ANUNCIAR NA INTERNET

Agora, listaremos alguns sites, blogs e redes sociais em que você pode começar a fazer seus anúncios para vender suas roupas na internet:

 

  • Mercado Livre – É um um site de acesso livre, onde você cria sua conta de graça para divulgar seus produtos. Depois de concretizada a venda, você paga um percentual sobre o valor do produto ao site;
  • OLX – É uma outra alternativa para quem quer vender online. Neste site você não precisa de cadastro. Para anunciar suas roupas, deve seguir alguns passos, como descrição e fotos do produto;
  • Grupo no WhatsApp – Outra alternativa é montar um grupo de vendas no seu WhatsApp e divulgar esse grupo através de seu Facebook.
  • Blogs – Ao criar um blog, você poderá fazer suas vendas da maneira que quiser;
  • Facebook – Crie uma fanpage paralela ao seu perfil. Nela você poderá anunciar suas roupas de maneira simples. E o melhor: é grátis.

POR QUE VENDER ROUPAS PELA INTERNET É UM BOM NEGÓCIO?
Os brasileiros estão gastando cada vez mais nas lojas virtuais. De acordo com 39º Webshoppers, do Ebit, o ticket médio das compras feitas pela internet cresce a cada semestre e já é de R$ 434, o que atrai cada vez mais investidores.

Claro que a concorrência na internet é grande, mas não desanime. Se você tiver dinheiro para começar o investimento, bom gosto, foco e vontade de vencer já terá grandes chances de ganhar dinheiro.

COMO VENDER ROUPAS PELA INTERNET?
Para vender roupas pela internet, em um primeiro momento você deve fazer um planejamento. Sem ele, o negócio não vai a lugar nenhum. Para abrir seu e-commerce com segurança, você precisa entender o mercado e o público-alvo para, assim, desenvolver estratégias eficientes. Veja como começar:

ESTABELEÇA OBJETIVOS
Criar objetivos de acordo com o seu segmento, produto e potenciais clientes é muito importante para alcançar as metas as quais você se propõe. Ao ter os objetivos delineados, fica mais fácil de visualizar os próximos passos. Alguns exemplos são:

  •  Vender um determinado número de peças por mês ou outro período;
  • Alcançar determinados lucros de acordo com a previsão de vendas;
  • Acompanhar os líderes de mercado;
  • Expandir o negócio para outros canais de distribuição.

ENTENDA SEU PÚBLICO-ALVO
“Todo mundo” não é público-alvo de negócio algum. O certo é definir um público com base no nicho de atuação e buscar entender seus hábitos de consumo. A partir daí, será possível montar um portfólio atraente, desenvolver ações de marketing impactantes e um script para o atendimento ideal para seu cliente.

ESCOLHA UM CANAL DE VENDAS
Basicamente, será necessário utilizar uma plataforma  para oferecer seus produtos e divulgá-los. Entre as opções, há comércio eletrônicos com plataformas gratuitas, pagas e de código aberto, redes sociais e marketplaces. Cada um apresenta suas características próprias, mas nada o impede de utilizar todos eles.

Para decidir qual canal de vendas é o melhor para seu negócio, avalie as opções disponíveis conforme o orçamento, o nível de profissionalismo e a familiaridade que apresenta com os canais de venda online.

TENHA BONS FORNECEDORES
Mais do que oferecer um produto de qualidade com preços competitivos, seu fornecedor precisa atender os prazos e, se possível, disponibilizar formas de pagamento atraentes. Considere mais de uma opção para evitar ficar com estoque defasado e fuja daqueles fornecedores que não cumprem o que prometem.

CRIE UM NOME ATRAENTE
A primeira coisa que você tem que pensar é que seu site, blog e página no Facebook são um negócio no meio online, portanto, precisam ser levados a sério e de maneira profissional. Pense em um nome interessante e atrativo para sua página, evitando sempre nomes difíceis de serem falados ou lembrados.

TENHA UM PORTFÓLIO CONDIZENTE COM SEU NICHO
Para ter um bom portfólio, pesquise, acompanhe tendências e avalie quais são as peças mais vendidas pela concorrência. Dê preferência àquelas que você sabe que terão mais saída e que não vão “sumir” das ruas em pouco tempo.

DIVULGUE SUA PROPOSTA
Com uma infinidade de lojas virtuais para se destacar, não basta oferecer um bom produto e ter um preço competitivo. É preciso desenvolver um diferencial de mercado e focar os esforços de marketing para apresentá-lo ao público.

As opções são muitas, mas a principal delas é o marketing de conteúdo. Além dele, o negócio pode investir em anúncios pagos, redes sociais, influenciadores digitais, entre outros.

QUAIS AS DICAS PARA QUEM ESTÁ COMEÇANDO?
Apresentamos alguns dos passos para o planejamento, agora vamos dar dicas mais práticas para quem tem roupas para vender. Acompanhe!

CRIE CONTEÚDO
A partir da criação de conteúdo, você pode se tornar referência no tema, melhorar o posicionamento nos buscadores, estreitar o relacionamento com o público e ser encontrado por quem está interessado em seus produtos, entre outras vantagens.

O conteúdo pode ser postado em um blog específico, nas redes sociais, em uma área do site ou enviado para os clientes que assinaram sua  newsletter. Você poderá criar sozinho o conteúdo ou contratar uma agência para esse fim. A ideia é que o material seja rico, interessante e traga novidades para o público.

DISPONIBILIZE BOAS IMAGENS DOS PRODUTOS
Como a internet é um veículo em que o cliente não tem acesso ao produto até que ele chegue em seu endereço, é importante que as imagens sejam fiéis, para convencê-lo a finalizar a compra. 

É fundamental utilizar manequins ou modelos para que as pessoas possam se imaginar vestidas com as peças. Também é essencial fotografar os detalhes, como costura, estampa, recortes, gola, mangas etc. 

AGRADE SEUS CLIENTES COM MIMOS E DESCONTOS
Uma estratégia que muitos sites de e-commerce adotam é dar brindes, descontos, consultoria de moda ou outro agrado aos clientes. Isso pode atrair mais consumidores, fidelizá-los e gerar indicações para novos clientes.

DISPONIBILIZE FRETE GRÁTIS PARA ALGUMAS REGIÕES PRÓXIMAS
Os clientes costumam ser seduzidos pelo frete grátis e a estratégia ainda ajuda a aumentar o ticket médio. Em casos de fretes mais caros, ofereça pagar uma porcentagem do custo. A prática é bem-vista pelos consumidores e também mostra um incentivo a eles — mas é importante não minar sua lucratividade.

CRIE UM GRUPO NO WHATSAPP
Além de ser uma ferramenta para divulgar produtos e serviços, o WhatsApp permite estreitar a relação, responder questionamentos, saber suas preferências e trocar experiências com seus clientes. Existe até uma versão corporativa do aplicativo, o WhatsApp Business, que traz uma série de recursos para empresas e empreendedores.

APOSTE NAS REDES SOCIAIS
As redes sociais são aliadas tanto para divulgação quanto para fechar vendas e parcerias. O Facebook e o Instagram são as mais indicadas para quem atua no segmento de modas e acessórios e são boas ferramentas para vender roupa online.

Uma novidade é o Instagram for Business, com o qual os vendedores podem anunciar e vender diretamente pela plataforma. Sem contar que é possível apresentar as novidades, peças exclusivas e aumentar a rede de contatos.

POR QUE É IMPORTANTE ESTAR ATUALIZADO?
Entender como vender roupas pela internet requer constante atualização, não só no portfólio, como também no que diz respeito às abordagens, comportamento do consumidor, pesquisa e entendimento do mercado.

Dessa forma, é possível impactar mais pessoas, criar uma autoridade e estar sempre um passo à frente da concorrência. Lembre-se que nossas dicas valem tanto para roupas novas quanto para roupas usadas. Não é uma má ideia criar um brechó online, né? Coloque as nossas dicas em prática e prepare-se para fazer boas vendas!

Gostou do saber mais sobre o segmento de roupa para vender? Então, aproveite para curtir a nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as novidades! 

 

Artigo anteriorComo funciona uma loja virtual: guia completo + passo-a-passo
Próximo artigoComo vender na OLX: passo a passo de como criar anúncio + dicas
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA