Como criar uma loja virtual para trabalhar com dropshipping

Como criar uma loja virtual para trabalhar com dropshipping

4875
3
Dropshipping nacional

Leia nesse artigo dicas Como criar uma loja virtual para trabalhar com dropshipping

Você já ouviu falar de dropshipping, correto? Suponho que este seja o motivo que tenha buscado este texto para ler. Ou, talvez, você tenha esbarrado com esse termo como uma “oportunidade” para a sua loja virtual.

>Como montar uma loja virtual
>Como fotografar e editar fotos em sua loja virtual
>Como atrair visitantes gratuitamente para sua loja virtual
>Como vender pelo Facebook e Instagram

Dropshipping é uma modalidade bem específica de realizar comércio eletrônico, então iremos lhe ensinar como funciona esse método, já que sem este tipo de conhecimento você não irá conseguir realizar nenhum passo para efetivamente abrir a sua loja online.

Empresas que trabalham com o método dropishipping, consiste no método de criar um negócio de internet sem precisar ter estoque dos produtos que você deseja vender. O motivo disso é simples: você só irá realizar a compra de um certo item após um cliente ter realizado a compra na sua loja virtual.

Assim, após alguém ter adquirido um dos produtos que você vendia, cabe a você ir até o fornecedor e comprar o produto escolhido pelo seu consumidor.

Nesse modo, o produto será enviado diretamente para o seu cliente (você nem verá o produto), restando para você o lucro da operação.

>Assista o Webinar para montar loja virtual
>Veja 8  dicas para montar uma loja virtual
>Baixe E-book Gestão de e-commerce para PME
>Assista a Palestra: E-commerce Do Zero Aos Resultados Em 6 Etapas

Esse método, embora possa parecer incomum em primeiro momento, vem sendo muito usado por lojas espalhadas pelo mundo, sendo que tem como vantagem o fato de diminuir bastante o custo para poder iniciar uma loja virtual.

Muitas vezes, novos empreendedores adquirem produtos oriundos dos EUA ou da China, já que costumam custar bem menos do que os valores praticados no Brasil. Com esforço, é possível conseguir ter lucros consistentes, mas para tanto é necessário persistência. Então, agora que você está interessado em saber como montar uma loja virtual de dropshipping, continue lendo este texto.

Antes de abrir a loja, defina os produtos que irá revender

Planejamento é fundamental para qualquer tipo de negócio. Então, se você sabe que deseja montar uma loja virtual com dropshipping, é essencial que você também tenha clareza sobre qual tipo de produto você deseja vender, ou seja, qual será o segmento que você imagina atuar. A pergunta, nesse caso, é simples: quais serão os produtos que você deseja revender? Existem segmentos que trazem mais dinheiro que os outros, mas para tudo é necessário conhecimento e investimento.

>Como recuperar 30% pedidos pagos por boleto
>Saiba por que usar e-mail marketing na sua loja
>Faça parte da Lista Vip DLoja Virtual

De nada busca procurar um setor por causa de um potencial lucro se você nada entende sobre ele. Mas para facilitar sua vida, produtos importados para revender no seu comércio eletrônico via dropshipping estão os sapatos femininos, as camisetas masculinas, as maquiagens, bijuterias e os perfumes.

É claro que existem outros tipos de produtos que trazem bons lucros, mas esses cinco são muito procurados por terem um bom retorno comparado com os preços praticados no Brasil.

Uma dica eficiente para quem está abrindo loja virtual com venda pelo método dropshipping é iniciar com um ou dois produtos (não adianta querer vender de tudo um pouco). Uma venda concentrada facilita seu conhecimento do mercado.

Saiba como montar uma loja virtual com vendas em dropshipping

Provavelmente, sua maior dúvida é sobre como vender produtos em uma loja virtual pelo meio dropshipping. Essa é a principal dúvida de empreendedores que desejam trabalhar com esse tipo de venda, já que você deve se perguntar: onde e como expor produtos que não tenho?

Bem, a internet consiste num dos principais lugares para concretização de vendas, então, antes de se preocupar na exposição de produtos, você precisará criar um espaço seguro para a realização de vendas.

A contratação de um programador, caso você tenha uma quantia razoável de recursos, é essencial. Agora, caso você tenha poucos recursos e queira iniciar a operação de uma forma mais simples, há maneiras de realizar isso utilizando o serviço oferecido por empresas do mercado, como é a Uol Host, em que é possível criar um comércio eletrônico gastando menos de R$ 100 por mês.

>Veja 3 Ferramentas para monitorar seu mercado
>Aprenda como usar o CANVAS
>Aprenda como usar o Google Analytics em sua loja virtual

Esse detalhe, embora fundamental para o seu negócio, irá depender dos valores iniciais que você tiver para dispender no negócio.

Cinco passos para abrir uma loja Dropshipping

1- Encontre um mercado faminto

Como dito anteriormente, não é só a escolha do produto que importa. É necessário você entender o que você está vendendo e que este produto seja desejado no negócio. Então, faça pesquisas com palavras-chave na internet. Pesquise o que é mais desejado e buscado. Veja com a busca no Google se a demanda para esses produtos. Isso te dará um bom indicativo se vale ou não investir em certo produto.

2 – Busque empresa que faça DropShip e tenha boa reputação

É fundamental que você encontre um bom fornecedor para os produtos que desjea vender. Há vários portais que oferecem esse serviço. Foque nos mais conhecidos. Após se decidir por algum serviço, entre em contato com eles e saiba quais seriam as margens de lucro disponíveis para a sua empresa,

quais são as formas de pagamento aceitadas e os termos de envio dos produtos.

3 – Registre um domínio

Após já saber quais produtos revender e ter encontrado um bom fornecedor de DropShip, agora é a hora de encontrar um bom nome para a sua loja. Então, encontre um nome marcante, que seja possível otimizar a possibilidade do seu site e registre o seu domínio.

4 – Encontre um provedor para loja online

Como dito, caso você não tenha muitos recursos para contratar um programador e construir um site novo, procure o melhor provedor de loja online (sugerimos o Uol Host). Pague a taxa mensal e faça o melhor com o seu site. A vantagem desse tipo de página é que não há necessidade de programação e você pode mudar o design para algo que entender que seja mais interessante.

5 – Adicione os produtos

Após ter escolhido seu provedor de comércio eletrônico, agora é a hora de realizar o upload dos produtos que deseja vender. Desse modo, é bom que tenha feito o upload de todos os produtos antes de ter começado a vender o site.

>Como atrair cliente com e-mail marketing
>7 dicas para começar a usar o Youtube
>Saiba se seu site está otimizado
>Baixe a planilha de planejamento de ações de marketing
>Baixe e-book para datas comemorativas

O motivo disto? Não dá para começar um site sem ter com clareza as informações de produtos, as fotos e os detalhes para fazer a venda de forma adequada. Então, fique atento aos detalhes e comece a lucrar.

Artigo anteriorComo conseguir fornecedores para minha loja virtual
Próximo artigoImagens em 3D: Como elas podem melhorar as vendas de sua loja virtual
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

3 COMENTÁRIOS

  1. Boa tarde Márcio tudo bom… estou há algum tempo pensando em montar uma loja baseada e dropshipping de produtos chineses, mas tenho uma dúvida… O produto vai direto para o cliente, porém como funciona caso o produto seja taxado na entrega!?

DEIXE UMA RESPOSTA