5 dicas para o crescimento do seu negócio de assinatura

5 dicas para o crescimento do seu negócio de assinatura

320
0

À medida que a indústria de SaaS cresce, e até os videogames se aproximam de uma assinatura, este é um bom momento para analisar as estratégias de crescimento orientadas ao modelo de assinatura.  

Lembre-se, as empresas baseadas em assinatura têm seus próprios benefícios e armadilhas. Aquisição de clientes não é tudo, e você precisa ter cuidado extra para nutrir e construir confiança com os assinantes. Aqui estão cinco estratégias para fazer isso:

1. Fique de olho na sua concorrência; atualize seu modelo de preços com frequência

Se o preço não for adequado para o cliente, sua empresa não está indo a lugar nenhum. Sua oferta deve ser precificada em um nível que pareça certo para o seu público-alvo. Se for muito barato, seus clientes talvez não valorizem sua oferta. Se for muito caro, ou não comprarão, ou se tornarão compradores relutantes e com remorso, do tipo que pede um reembolso.

Como um negócio de assinatura, você deve ver os preços como uma vantagem competitiva e estratégica. Então, se outro negócio vem com uma oferta diferente, tenha cuidado, porque você pode ser ultrapassado. Para permanecer competitivo, você precisa ser flexível.

Tenha em mente sua estrutura de renovação. As taxas médias de retenção para a maioria das empresas de assinatura são de cerca de três meses. Com um modelo de precificação mensal, seus membros podem efetivamente sair a qualquer momento, então você quer direcionar as pessoas para pacotes de longo prazo oferecendo incentivos.

Anote a data de término dos pacotes de assinatura depois de executar uma campanha principal. Em seguida, prepare uma campanha de reativação e incentivos adicionais para manter seus clientes em massa por um ano.

2. Construa uma conexão mais forte com seus clientes

Com o e-commerce os clientes podem acessar seu site uma vez, comprar o produto que procuravam, sair e nunca interagir com você novamente, mesmo que você continue enviando e-mails. Isso não significa sugerir que os relacionamentos com clientes não são importantes, mas em nenhum lugar eles são mais importantes do que com as empresas de assinatura.

Confira: Como calcular taxa de conversão de vendas no e-commerce

Em um negócio de assinatura, a retenção de clientes é muito mais importante do que a aquisição. É claro que você precisa criar um fluxo constante de interesse em sua oferta associada, mas se você não desenvolver uma estratégia para manter os clientes que já se inscreveram, suas taxas de perda serão altas.

Upsells e cross-sells podem ser usados ​​em seus clientes de longo prazo e, se você organizar um evento ao vivo, seus membros serão os primeiros a comprar um ingresso. Se você lançar um livro, seus clientes o ajudarão a se tornar um best-seller.

Aproveitando as plataformas de mensagens do cliente e enviando mensagens de vídeo personalizadas, você pode garantir que está criando relacionamentos mais fortes.

3. Compreenda melhor suas métricas financeiras

Suas métricas financeiras dizem muito sobre a integridade geral do seu negócio. E você precisa prestar atenção para além do que apenas você está tendendo para cima ou para baixo.

Obter uma melhor compreensão do valor da vida útil e da receita recorrente mensal é importante. O valor da vida útil é a quantia de receita que você pode esperar obter de um cliente ao longo de seu relacionamento com o seu negócio, possivelmente com duração de anos. A receita recorrente mensal de uma empresa pode antecipar com confiança a cada 30 dias. Existem diversas ferramentas de acompanhamento para ajudar você a organizar suas inscrições e obter informações sobre essas métricas. Entender por que os pagamentos falham e o que você pode fazer para evitar isso também será crucial para o seu negócio.

Instinto intuitivo pode servir-lhe bem, às vezes, mas se você está de olho em suas análises, provavelmente vai tomar decisões que estão em alinhamento com seus objetivos principais.

4. Crie conteúdo valioso

Os coaches de negócios James Schramko, fundador da SuperFastBusiness, e Ezra Firestone, CEO da Smart Marketer, publicam regularmente conteúdo atraente e valioso para seu público, seja diretamente endereçado à sua associação ou seja exibido em seus respectivos blogs.

De vídeos de treinamento a episódios de podcast, os dois homens são prolíficos nas dicas relevantes, melhores práticas, eventos e outras informações úteis que compartilham. Eles entrevistam personalidades conhecidas em seu espaço e reúnem suas perspectivas sobre uma variedade de tópicos.

Saber distribuir este conteúdo é fundamental. Quer se trate de posts, episódios de podcast ou vídeo, o meio que você escolhe tem que ser um com o qual você está confortável e pode ficar com ele.

O conteúdo é, muitas vezes, a primeira coisa a atrair clientes e o motivo pelo qual eles voltam depois de serem convertidos.

5. Desenvolver um sistema de referência

O marketing de referência gera taxas de conversão três a cinco vezes maiores do que qualquer outro canal. Deixe que isso ocorra. No entanto, muitas empresas não têm marketing de referência como um de seus canais.

Confira: Nutrição de leads: saiba como usá-la para vender mais na internet!

Obter referências de familiares e amigos, contatos de negócios e clientes é uma ótima maneira de gerar novos negócios, e grande parte deles pode se enquadrar em um modelo de marketing de afiliados. Embora o marketing de referência possa não ser adequado para empresas que vendem produtos mais baratos, mas ser ótimo para vender assinaturas. O boca a boca é importante para empresas de assinatura, e alavancar as pessoas que melhor conhecem você e sua empresa é uma importante estratégia de crescimento.

Certifique-se de participar de conferências e criar alguns incentivos monetários claros para pessoas que possam gerar leads reais para sua empresa.

Considere

Criar um produto que as pessoas querem se inscrever é ótimo, mas a construção de relacionamentos deve ser uma parte significativa de sua estratégia de crescimento. É mais provável que os clientes renovem assinaturas se confiarem em você e isso trará leads úteis dos contatos que você nutre. Aproveite a leitura e veja como abrir uma loja virtual aqui.

 

DEIXE UMA RESPOSTA