Como escolher o produto ideal para vender na internet? Dicas

Como escolher o produto ideal para vender na internet? Dicas

14733
1

Abrir um negócio não é fácil. O primeiro negócio, então, é ainda mais difícil. As dificuldades para quem está começando são diversas: o tempo e a energia para se dedicar ao empreendimento, a experiência em administrar um negócio e o dinheiro disponível para fazer a roda girar. 

Em uma loja virtual, a escolha dos produtos que serão vendidos é uma etapa fundamental e tem impacto direto no sucesso do empreendimento. Afinal, 70% das empresas fazem apenas dez (ou menos) pedidos por mês. Mas como escolher o produto ideal para vender na internet? Vamos explicar tudo para você! 

O QUE EU POSSO VENDER EM UMA LOJA VIRTUAL?

Existem muitas alternativas de produtos que podem ser vendidas em uma loja virtual. O primeiro passo para pensar o que você pode vender em seu e-commerce é avaliar quais são os seus principais interesses. Não adianta escolher um segmento que dá dinheiro, se você não se sente atraído por ele.

Nem sempre é possível conciliar o gosto com a viabilidade do mercado, mas sempre que der para fazer isso, tente! A sua rotina ficará muito mais motivadora se você trabalhar com um produto ou com um serviço com o qual realmente se identifica. Além disso, será muito simples de convencer os clientes a comprá-los, não é mesmo? 

QUAL O MELHOR PRODUTO PARA VENDER NA INTERNET?

Não existe o melhor produto para vender na internet e isso pode ser explicado por uma série de razões. Em primeiro lugar, o mercado virtual é muito volátil, e o que é bom hoje, talvez amanhã já não seja mais. Além disso, o sucesso de um e-commerce não depende apenas do produto, mas de como ele é oferecido para o cliente.

Assim, um bom produto pode não fazer sucesso porque, por exemplo, a plataforma da loja virtual não é intuitiva. Na mesma medida, um produto razoável pode atrair muita gente pelo seu preço ou até mesmo pela qualidade dos anúncios feitos em redes sociais ou em buscadores.

Mas é claro que existem segmentos mais prósperos do que outros. Por essa razão, a dica para busca o melhor produto é pensar em algum item que não é oferecido aos montes na internet. Quanto mais diferenciado esse produto for, maiores serão as chances de o seu e-commerce se destacar. 

TIPOS DE PRODUTOS PARA VENDER NA INTERNET

Existem alguns tipos de produtos que costumam ser bem recebidos pelos consumidores. Por incrível que pareça, o segmento das roupas faz bastante sucesso na internet. No entanto, para que a loja virtual consiga oferecer uma boa experiência de compra sem que o cliente prove, precisa determinar as medidas exatas dos produtos.

Outro segmento que tem muita saída é o de acessórios para celulares. Em geral, este tipo de produto é bem mais barato na internet e, além disso, os comércios eletrônicos têm bem mais variedade do que as lojas de rua. A seguir, falaremos um pouco mais sobre os produtos mais vendidos na web. 

QUAIS OS PRODUTOS QUE MAIS VENDEM NA INTERNET?

Como falamos há pouco, as roupas e os artigos para celulares são alguns dos segmentos que mais vendem online. Outro setor que também apresenta boa capacidade de impacto no mercado online são os acessórios, como no caso de bolsas, cintos, bijuterias e até mesmo semi-joias. 

A seguir, apresentaremos o que mais vende na internet, levando em conta os dados do relatório WebShopper 39, do Ebit: 

  • Perfumaria, cosméticos e saúde; 
  • Moda e acessórios; 
  • Casa e decoração; 
  • Eletrodomésticos; 
  • Esporte e lazer. 

COMO ESCOLHER O PRODUTO IDEAL PARA VENDER NA INTERNET?

Em primeiro lugar, o produto ideal é aquele com o qual você se identifica. Se você não gosta de esportes, provavelmente será penoso vender produtos relacionados ao futebol, não é mesmo? Tenha em mente que uma loja virtual vai muito além de embalar e enviar os produtos para a casa dos clientes.

É necessário estudar o público-alvo a quem o comércio eletrônico se dirige, desenvolver uma linguagem que dialogue com essas pessoas, gerenciar as redes sociais, manter contato com fornecedores, etc. Sem dúvidas, uma pessoa alucinada por futebol faria esse trabalho com muito mais empenho.

Além disso, quando o gestor gosta do produto que vende, existem muito mais chances de a loja decolar, já que essa pessoa estará atenta a todos os pontos de contato da marca com o cliente e ficará motivada em aperfeiçoar o serviço prestado. Mas é claro que o gosto pessoal não é o único ponto que deve ser considerado no processo de escolha.

Além dele, o empreendedor também deve analisar o mercado onde pretende se inserir. Digamos que você goste muito de cosméticos e cuidados com a pele. Para atuar nesse setor, o ideal é olhar para todas as marcas já existentes e pensar em algum produto que ainda não está sendo oferecido.

Assim, você não entrará no mercado oferecendo o mesmo item que todos os seus concorrentes oferecem. Essa análise é importante para visualizar demandas que ainda não são atendidas e, assim, potencializar suas chances de trabalhar com o produto certo no lugar certo. 

COMO ESCOLHER O PRODUTO IDEAL PARA LOJA VIRTUAL?

Mas como escolher o produto ideal para sua loja virtual? Essa pergunta não vale um milhão de dólares, mas pode garantir o sucesso da sua empresa. A resposta vem através da segmentação do mercado. Sejamos francos, é muito difícil conseguir bater com os grandes players do e-commerce em questão de preço competitivo. 

Para conseguir vender produtos mais baratos, estas grandes empresas muitas vezes trabalham no prejuízo. A diferença é que eles podem trabalhar com esse déficit, mas você não. Para se destacar da grande concorrência, não adianta vender o mesmo que todos vendem. 

É preciso pensar no produto ideal que atenda o nicho de mercado onde você atua e que possua um alto valor agregado. Ah, e quando digo um produto produto ideal, estou dizendo UM produto mesmo. Um exemplo é a Monograme, loja virtual especializada em vender camisetas. Não pense que elas possuem milhares de estampas. Muito pelo contrário. 

As camisetas dessa loja são completamente lisas e com uma gama de cores que variam pouco. O diferencial está na qualidade do produto, o tal valor agregado. O produto ideal da empresa é essencial para quem está iniciando. Quem está abrindo uma loja virtual busca contemplar um mix de produtos tão amplo quanto o de grandes empresas do ramo. 

Acontece que este empreendedor não possui o mesmo pessoal, energia e (principalmente) capital para bater uma grande empresa e, mesmo assim, insiste em parecer uma grande empresa. Vou dar um conselho: não é feio ser pequeno. Abaixo, confira alguns motivos para que o foco esteja concentrado em um produto ou poucos:

O SEU CAIXA DE SUA LOJA VIRTUAL É LIMITADO

Quem está começando a criar uma loja virtual do zero precisa sempre desembolsar um dinheiro representativo. Quem é micro ou pequeno empreendedor tem o orçamento bem apertado e sabe que investir em algo é sempre “dolorido pro bolso” e, por isso, deve ser muito bem avaliado.  

Focar em um produto ideal é uma vantagem para o iniciante, pois assim ele tem o poder de negociar com o fornecedor, já que ele irá comprar em uma quantidade maior. Geralmente ele irá ouvir, e até mesmo aceitar a proposta, já que é muito mais fácil para o fornecedor entregar um pedido com, digamos, cem unidades do que com vinte.

ESFORÇO E ENERGIA PARA UMA LOJA VIRTUAL

Geralmente, o empreendedor que recém ingressou no ramo do e-commerce trabalha sozinho. É ele que fala com o fornecedor, que embala os produtos, que responde o e-mails, etc. E para um produto vender bem em uma loja virtual, é fundamental que ele cumpra um check list bem completo, que contemple vários detalhes e motive o consumidor. 

Se fazer a gestão de uma loja virtual de poucos produtos já dá trabalho, imagina gerir uma loja com muitos itens! A energia gasta para cadastrar os produtos de forma correta é muito grande e, muitas vezes, a presença de vários produtos no catálogo nem se justifica. Por incrível que pareça, focar em um produto pode ajudar o empreendedor a vender mais.

ARMAZENAMENTO E ENVIO DE MERCADORIAS

Trabalhar com apenas um produto é muito mais fácil quando o assunto é armazenamento. Quando o mix é maior, variedade de tamanhos, volumes e cuidados na estocagem precisam de organização redobrados. Dependendo do ramo de atuação do e-commerce, a atenção deve ser ainda maior, já que envolve prazos de validade, por exemplo. 

Também existe a questão de embalo e de envio para o cliente. Além do frete sair mais caro, existem produtos que precisam de embalagens específicas, e isso gera custo. Ou seja, a variedade acaba sendo cara para a loja, que precisa aumentar o preço de venda para que não perca margem.

Lembre-se sempre: se você está começando, cada minuto é muito importante para poder tocar o empreendimento em frente e fazê-lo crescer. Não tenha medo de começar com pouca coisa. Seja pequeno, sonhe grande e venda muito!

Agora que você já sabe exatamente como escolher o produto ideal para vender na internet e o que deve priorizar nessa busca, sugerimos que leia esse material com 70 opções para ganhar dinheiro online. Quem sabe você encontra algum setor ou produto que faça seu coração bater mais forte, hein? Boa sorte!

Artigo anteriorGateway de pagamento: o que é e como funciona? Dicas!
Próximo artigoO que é funil de vendas e para que serve? [GUIA COMPLETO]
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA