Sistema de e-commerce: qual é a melhor plataforma? Veja aqui!

Sistema de e-commerce: qual é a melhor plataforma? Veja aqui!

2789
0

Quem tem loja virtual sabe que a escolha do sistema de e-commerce tem muita influência nos resultados do negócio. Por melhor que seja o produto ou o serviço oferecido, ele não será suficiente para motivar a compra se a plataforma não oferecer um sistema de navegação amigável aos usuários. 

Isso vai muito além de ter uma loja virtual bonita e com o design alinhado à identidade visual da marca. Um bom sistema de e-commerce oferece uma compra segura aos consumidores, que precisam sentir confiança para fornecer informações sigilosas, como dados para o pagamento da compra.

Por isso, se você está pensando em criar um comércio eletrônico, mas tem dúvidas sobre qual sistema de e-commerce escolher, fique atento! Essa pesquisa é bem importante para criar uma loja que realmente atraia os consumidores e os motive a comprar. 

O QUE É UM SISTEMA DE E-COMMERCE?

O sistema de e-commerce nada mais é do que a plataforma onde você criará a sua loja virtual. Ou seja, é lá que você fará a inclusão dos produtos que vende e também é lá que os clientes realizarão a compra. Existem sistemas de e-commerce gratuitos, personalizados e alugados.

Durante a navegação em uma loja virtual nós só enxergamos a parte aparente, onde estão as seções com os produtos, o carrinho de compras e as páginas de pagamento. No entanto, as plataformas também contam com uma parte que não é palpável, mas que também precisa funcionar muito bem.

É nesta parte que estão inseridas as funções necessárias para quem administra o e-commerce. Assim, um sistema de e-commerce também deve ser muito eficiente na parte de registrar o pagamento, de reunir as informações sobre os produtos vendidos e de oferecer os dados de envio da encomenda. 

O QUE É ERP EM E-COMMERCE?

ERP é a abreviação de Enterprise Resource Planning e se refere a um sistema que reúne os mais variados setores de operação do e-commerce. A incorporação do ERP no comércio eletrônico garante a integração de diferentes áreas do negócio, como a gestão de estoque e o controle financeiro.

O uso do ERP no seu negócio reduz muito o risco de erros, uma vez que os processos ocorrem de forma automatizada. Além disso, a gestão se beneficia, já que o ERP otimiza o tempo para a administração do negócio. Por isso, na busca por um bom sistema de e-commerce, escolha um que permita a integração ERP.

QUAL É A MELHOR PLATAFORMA DE E-COMMERCE?

Existem três tipos de sistemas de loja virtual: o gratuito, o personalizado e o alugado. O sistema de e-commerce de graça é bom para quem está começando a vender pela internet, mas não tem dinheiro para investir em uma plataforma melhor. Como é de se imaginar, essa alternativa tem poucos recursos, o que é ruim para quem tem um volume de vendas maior. 

O sistema de e-commerce personalizado também é conhecido como próprio. Isso porque o desenvolvimento da plataforma começa do zero, sem nenhuma base. Ele deve ser feito por um programador que tenha amplo conhecimento. Em geral, esse modelo é adotado pelas gigantes do varejo, que têm muitos recursos para investir.

Por fim, o modelo alugado permite a personalização da plataforma a partir de uma base já existente. Seu modelo é bastante simples e de pouca complexidade para quem quer fazer alterações na estrutura. Nesta modalidade, o gestor do e-commerce paga uma mensalidade para o provedor de serviços, que disponibiliza o seu negócio na internet.

Em geral, o sistema de e-commerce alugado é o que apresenta mais vantagens para o empreendedor digital. O custo mensal costuma ser acessível e a plataforma dispõe de um sistema de manutenção e de suporte que auxilia o e-commerce no caso de qualquer dúvida ou problema. 

FUNCIONALIDADES QUE A PLATAFORMA DE E-COMMERCE DEVE TER

Agora que você já sabe o que é o sistema de loja virtual, vamos falar sobre as funcionalidades que são essenciais para que você tenha um e-commerce seguro, intuitivo e atrativo para os consumidores. Quando buscar por uma plataforma para o seu negócio, considere os itens abaixo: 

SISTEMA PARA CRIAR UM E-COMMERCE

O sistema de loja virtual que você escolher deve ser realmente simples. Pense que você terá que acessá-lo todos os dias para gerenciar o seu negócio. Além disso, a inclusão de produtos deve ser fácil e rápida, pois isso fará parte da sua rotina de trabalho. 

Da mesma forma como essa navegação deve ser positiva para quem trabalha no e-commerce, também deve ser intuitiva para os usuários. Imagine que cada barreira que seus consumidores encontrarem será uma possibilidade deles desistirem da compra. Seu papel é buscar um sistema para e-commerce que aumente as chances de compra. 

SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE

O sistema de pagamento online deve oferecer as mais diversas formas para os seus consumidores concretizarem a compra no seu e-commerce. É importante dispor de boleto bancário, parcelamento em cartão de crédito, etc. Afinal, você não quer que o seu cliente desista da compra na hora de pagar, né?

Por isso, dê bastante atenção ao pagamento online na hora de buscar por um sistema de e-commerce completo. Da mesma forma, estude o perfil do seu público-alvo e tenha uma ideia sobre a forma de pagamento que, em geral, ele tem preferência. Assim você poderá se certificar que ela estará incluída entre as opções oferecidas.  

SISTEMA ANTIFRAUDE

Esse item tem bastante conexão com o que falamos acima, né? Dependendo da solução de pagamento online a ser adotada, será necessário contratar um sistema antifraude para evitar o roubo de dados pessoais dos seus consumidores. 

Caso você use um facilitador de pagamentos ou intermediador, na maioria das vezes não será necessária a contração de um sistema desse tipo, uma vez que a análise será realizada por eles. Mas se a sua loja trabalhar direto com as operadoras de cartão de crédito, o sistema antifraude será um componente obrigatório. 

SISTEMA DE MARKETING DIGITAL

O marketing digital deve ser visto como uma parte integrante do sistema e-commerce e não somente como algo a ser pensado depois que a loja virtual estiver no ar. Lembre-se que ele é o responsável por atrair clientes para o seu negócio. 

Se o sistema para e-commerce não possuir recursos como Google Analytics, uso de pixels de conversão para Facebook Ads e tagueamento de ações no Google Adwords, certamente estará fora da disputa pelo consumidor online

Agora que você já sabe todos os pontos importantes no momento de buscar por um sistema de e-commerce para o seu negócio virtual, leia sobre a necessidade de pensar em uma loja mobile para vender online. Esse conhecimento é muito relevante para criar uma boa loja virtual! 

Artigo anteriorLançamento de produto: 4 estratégias para uma campanha de sucesso
Próximo artigoAluguel de loja virtual é uma boa escolha? Vantagens e desvantagens
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA