Como fazer análise de mercado em 5 passos simples, rápidos e eficazes

Como fazer análise de mercado em 5 passos simples, rápidos e eficazes

7713
0
Como fazer análise de mercado
Como fazer análise de mercado

A análise de mercado é uma das ferramentas essenciais de ser usada por quem quer começar um negócio, seja ele no mundo físico ou digital. Através deste estudo, é possível ter uma visão ampla sobre o mercado no qual se quer entrar e pensar em soluções para criar uma empresa forte e com boas possibilidades de sucesso.

Apesar de muitos empreendedores não darem a importância que a análise de mercado merece e, inclusive, deixarem a ferramenta de lado na hora de começar um negócio, a trajetória da empresa pode ser muito mais tranquila quando o gestor conhece o cenário que pretende fazer parte.

Se você tem uma loja virtual ou quer começar a trabalhar com vendas online, fique atento a este conteúdo! Vamos falar sobre como fazer análise de mercado com 5 passos bem práticos e simples. Boa leitura! 

O QUE É UMA ANÁLISE DE MERCADO?

A análise de mercado é um conjunto de técnicas que são aplicadas para entender com clareza como funciona o mercado no qual uma determinada empresa atua ou quer começar a atuar. Com esse conhecimento, é possível traçar estratégias que contribuam com o sucesso do negócio. 

A partir da análise de mercado é possível direcionar o trabalho da empresa para um certo público-alvo, determinar o posicionamento da marca e até mesmo definir um preço de venda compatível com as características mercadológicas. Assim, a possibilidade de o negócio ser bem recebido pelo público é muito maior. 

PARA QUE SERVE A ANÁLISE DE MERCADO?

Em resumo, essa análise serve para diminuir os riscos de fracasso e aumentar as chances de sucesso. Através de uma boa análise, o empreendedor consegue saber como é o comportamento do público que ele quer atender e quais características do mercado devem ser realmente consideradas pela sua marca.

A partir deste estudo aprofundado, é possível determinar quais são os desejos e as necessidades latentes no mercado e buscar soluções para atendê-las. Muitas vezes, um gestor imagina o que deve priorizar em sua marca, mas quando entra em contato com o seu público percebe que as necessidades reais são bem diferentes das que ele imaginava.

COMO FAZER UMA PESQUISA DE MERCADO?

Afinal, como fazer análise de mercado? A resposta é simples: interagindo com o próprio consumidor. Uma boa pesquisa de mercado precisa dialogar diretamente com o público-alvo da marca em questão. Em geral, a técnica utiliza perguntas diretas que busquem encontrar caminhos para a empresa atuar no mercado.

Existem empresas especializadas em fazer pesquisas de mercado. Elas são responsáveis por entender o propósito da empresa que está começando, em buscar indivíduos que compõem o público da marca, em formular as perguntas e em apresentar um panorama com as respostas e com as possibilidades traçadas a partir da pesquisa. 

COMO FAZER ANÁLISE DE TENDÊNCIAS DE MERCADO?

Analisar as tendências de mercado significa olhar para todo o cenário e refletir sobre possíveis caminhos que podem ser traçados nos próximos anos. Por isso, diferente de uma pesquisa de mercado, as tendências englobam um espaço mais amplo e utilizam referências internacionais.

Inovações que ocorrem em países como Estados Unidos, Inglaterra e China podem servir como um termômetro para entender as novidades podem surgir nos próximos anos. Assim, a análise de tendência é um complemento para a pesquisa de mercado. Juntas, podem oferecer excelentes possibilidades.

COMO FAZER ANÁLISE DE MERCADO EM 5 PASSOS

Deu para ver que fazer uma análise de mercado é muito importante para começar um negócio seguro, que atenda às necessidades do seu público e que tenha grandes chances de dar certo. Se você quer saber como fazer análise de mercado de uma forma bem prática, confira esses 5 passos:

CLIENTES

O estudo do público-alvo é fundamental para os negócios, já que ele é que vai trazer o capital para a empresa. Para isso, podem ser usadas ferramentas como questionários, análise de tráfego e de preferências dos clientes. Procurar saber qual a idade, o gênero a classe social e a ocupação do público, por exemplo, ajuda bastante a definir o seu perfil.

Delimitar a área de abrangência do negócio também é um fator importante, assim como possibilitar que o cliente encontre a empresa com facilidade. Também é essencial prezar pela qualidade dos produtos, adequação dos preços e excelência no atendimento.

CONCORRÊNCIA

A análise dos concorrentes permitirá a identificação das vantagens e dos pontos fortes e fracos. Assim, você poderá adequar o seu negócio de maneira a agradar o cliente. Nesse ponto, algumas questões devem ser levantadas, como condições igualitárias de competição e diferenciais.

Obter informações acerca da concorrência é muito importante para que as suas chances de competição aumentem. De início, buscar informações nos mais variados canais, como internet, jornais e revistas, dá uma ideia geral de mercado e atuação da concorrência.

FORNECEDORES

Os fornecedores devem ser avaliados quanto à localização, prazos de entrega, frete, custos e condições de pagamento, para que os melhores sejam eleitos. Com isso, você terá uma boa base de investimento inicial necessário. Uma boa pesquisa de preços é essencial, pois evita a tomada de decisões equivocadas.

A análise de mercado é recomendada para que as empresas tenham mais segurança de atuação. Existem dois tipos básicos de análise a serem feitas para que as informações iniciais sejam de qualidade, a pesquisa de mercado e a análise de gabinete.

ANÁLISE DE GABINETE

Nesse tipo de estudo, os dados são levantados sem a necessidade de contato direto. A análise de gabinete é feita de forma abrangente e normalmente coleta informações em canais como jornal, internet e mídias em geral, o que permite formar ideias genéricas em relação ao mercado. 

É válido destacar que a análise de gabinete é eficaz tanto para o estudo do concorrente, quanto para o estudo do público do negócio. No entanto, oferece resultados gerais, que devem ser complementados com um estudo mais aprofundado. 

PESQUISA DE MERCADO

Nessa etapa, o estudo é feito direto com o cliente. A abordagem realizada com perguntas diretas sobre as expectativas e impressões do público-alvo em relação à proposta da marca. Desta forma, a empresa pode se adequar às necessidades do público e se manter atualizada com a dinâmica de mercado. 

Vale lembrar que o consumidor é a fonte de receitas do negócio. Por isso é tão importante buscar medidas para satisfazer o público-alvo e para se diferenciar da concorrência. A análise de mercado permite que a empresa se fortaleça e enfrente melhor os desafios, com planejamento, previsão de capital e projeções nas mais diversas áreas. 

Fazer uma boa análise de mercado não é uma tarefa difícil, mas deve ser conduzida com profissionalismo e atenção. Por isso, muitas empresas que querem entrar no mercado contratam especializadas na área. Assim garantem que terão um resultado assertivo.

Agora que você já sabe como fazer análise de mercado, sugerimos que leia sobre o plano de negócios. Essa é outra técnica que pode contribuir muito para o sucesso da sua empresa. 

 

Artigo anteriorComo criar fluxo operacional em sua loja virtual e otimizar os processos
Próximo artigoIdeias para loja virtual: 7 opções LUCRATIVAS para vender na internet
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA