Como funciona o Marketplace em cada plataforma? Entenda!

Como funciona o Marketplace em cada plataforma? Entenda!

1654
0

O comércio eletrônico nada contra a maré da crise financeira: em 2018, o setor cresceu 12% em relação ao ano anterior. Quem decide entrar neste mercado em visível ascensão deve investir em especialização para criar uma base sólida e se destacar da concorrência.

Cada vez mais, os brasileiros preferem comprar online. As compras em lojas virtuais são convenientes e, muitas vezes, garantem um preço menor do que o praticado pelas lojas físicas. Dentro desse cenário, o Marketplace se torna uma alternativa viável para os empreendedores digitais que querem potencializar seu poder de vendas e alcançar novos clientes.

Quer saber o que é e como funciona o Marketplace? Continue lendo, separamos as melhores dicas para você!

O QUE É O MARKETPLACE?

O Marketplace pode ser definido como um shopping virtual, no qual diversos lojistas dividem a mesma plataforma. No caso de um e-commerce convencional, cada empresa é responsável por criar e por gerir o seu site de vendas. No Marketplace, a lógica é coletiva.

A principal vantagem do Marketplace é tornar os seus produtos visíveis para mais internautas, aumentando as possibilidades de você alcançar o seu público-alvo. Os consumidores também têm vantagens em comprar neste tipo de canal, já que podem ter uma experiência semelhante à que acontece em um shopping center.

COMO FUNCIONA O MARKETPLACE?

Os empreendedores que aderem a um Marketplace não precisam se preocupar com registro, hospedagem e formatação da plataforma. Devem somente cadastrar seus produtos, responder às dúvidas dos clientes e enviar os produtos para o endereço dos compradores. 

O Marketplace reúne todos os vendedores virtuais no mesmo ambiente e centraliza a função de pagamento. Assim, o procedimento para fechar uma venda é semelhante a dos outros comércios eletrônicos. Não é necessário que o cliente seja redirecionado para a página de cada loja e, se ele comprar produtos de diferentes vendedores, poderá fazer um pagamento único.

O ponto alto de vender em um Marketplace é a visibilidade que ele proporciona. O shopping virtual costuma ser um canal muito conhecido e procurado pelos consumidores. Prova disso é a quantidade de Marketplaces grandes que temos no mercado, como: Mercado Livre, Lojas Americanas, Submarino, Dafiti e Buscapé.

POR QUE INVESTIR EM MARKETPLACE?

O Marketplace é uma ótima alternativa tanto para quem quer começar a investir no mercado das vendas, quanto para aqueles empreendedores experientes, que sentem a necessidade de ampliar o negócio físico para o digital.

Marcar presença online, fazer anúncios qualificados e saber vender são passos básicos para um comércio eletrônico. A fórmula parece simples, mas o esforço em cada etapa é grande, e nem todos os gestores estão preparados para enfrentar estes desafios. Participar de um Marketplace pode ser uma boa estratégia para estar onde os clientes também estão.

Uma grande vantagem das vendas online, que também se reflete no Marketplace, é a possibilidade de os pequenos empreendedores concorrerem com os grandes. Além disso, como a maior parte dos produtos anunciados pode ser enviada pelos Correios, lojistas pequenos e até comerciantes do interior podem vender para quem está nas grandes cidades.

COMO SE DESTACAR NO MARKETPLACE?

É preciso adotar alguns passos para começar a empreender em um shopping virtual e se destacar na rede. Em primeiro lugar, você deve cadastrar a sua marca na plataforma de Marketplace. Depois, deverá pensar em estratégias que o destaquem diante da concorrência.

Isso inclui responder com agilidade todos os contatos de possíveis consumidores e ter uma boa gestão de logística e de estoque. Assim você garante agilidade entre a confirmação do pedido e o envio para o endereço do cliente.

Outra maneira de atrair e de fidelizar os clientes é divulgar boas fotografias dos seus produtos. Mantenha a sua página atrativa, com imagens em alta resolução, composições bonitas e fotografias com todos os ângulos e detalhes das suas mercadorias. Assim não há risco de o cliente deixar de comprar de você por não ter certeza se está diante do produto que procura.

TIPOS DE MARKETPLACE

Agora que você já sabe como o Marketplace como funciona, vamos falar sobre os tipos de Marketplace. Não existe um padrão estabelecido para os shoppings online. Alguns são mais focados no varejo, outros no atacado e há ainda aqueles que atendem os dois tipos de clientes.

Diante de tantas possibilidades, antes de bater o martelo sobre em qual Marketplace você incluirá a sua loja, avalie as características do seu produto e do seu público. Para ajudá-lo nesta decisão, vamos falar sobre os pontos mais importantes dos Marketplaces.

VISIBILIDADE:

Participar de um Marketplace contribui para que o seu produto seja encontrado mais facilmente pelos consumidores.

CREDIBILIDADE:

Estar em um Marketplace bem conceituado passa confiança aos clientes, que se sentem seguros para comprar de você. 

FORMAS DE PAGAMENTO:

Um bom Marketplace dispõe de todas as formas de pagamento, deixando a compra mais conveniente. Além disso, os consumidores podem incluir em um mesmo carrinho os produtos de diferentes lojas.

IMPORTÂNCIA DA INTEGRAÇÃO DE MARKETPLACE

Fazer a integração de Marketplace ao seu e-commerce é uma ótima maneira de potencializar o alcance da sua loja online e de se aproximar do seu público-alvo. Se você tem um comércio eletrônico próprio, deve investir em anúncios para aumentar o fluxo de visitantes em sua loja.

Ao participar de um Marketplace, você não precisará participar das decisões e dos custos que envolvem marketing. No entanto, cuide para escolher uma plataforma que esteja alinhada com o seu produto e com o seu público-alvo.

COMO FAÇO PARA VENDER VIA MARKETPLACE?

Para que você possa entender como funciona um Marketplace na prática, vamos utilizar como exemplo o Marketplace do Submarino. Vale lembrar que cada Marketplace tem as suas especificidades, por isso o ideal é fazer uma pesquisa extensa antes de optar por um deles.

Para participar do Marketplace do Submarino, em primeiro lugar você deverá fazer o seu cadastro e informar dados como o nome e CNPJ da sua loja. O Submarino fará a análise desses dados e autorizará a criação da sua loja. Nesta etapa, você poderá inserir os seus produtos e definir o preço, o estoque e as condições de frete. 

Como rotina, você deverá responder os contatos dos usuários, com dúvidas sobre o seu produto, e monitorar as vendas. O Submarino não cobra taxa de adesão para que você participe do Marketplace, mas fica com 16% do valor de cada venda que você fizer.

DETALHES IMPORTANTES DO MARKETPLACE

Sempre analise com atenção as taxas e as condições de cada Marketplace. Assim você poderá calcular o quanto as taxas influenciam no valor final de venda do seu produto e na sua margem de lucro.

Além de olhar para as taxas, esteja atento para o foco de cada Marketplace. Alguns são voltados para o consumidor final, enquanto outros vendem principalmente na modalidade de atacado, para intermediários. Estar no Marketplace adequado para sua marca é determinante para que você possa alcançar os resultados esperados.

SEU PRODUTO EM UM SHOPPING VIRTUAL

Todos os dias, milhões de consumidores navegam pelos principais shoppings virtuais. Estar um Marketplace que tenha boa visibilidade e alta taxa de acesso é fundamental para que sua loja possa ser encontrada e para que seus produtos possam ser comprados.

Dê preferência para aqueles Marketplaces que investem bastante em publicidade e em técnicas de SEO e de marketing, e cujas taxas não impactem o seu faturamento mensal. Também tenha atenção para que a plataforma conte com sistema antifraude e possibilite aos seus clientes uma experiência de compra segura.

O LADO DIFÍCIL DO MARKETPLACE

Os riscos e os desafios de vender online caminham juntos. Como o Marketplace apresenta todas as lojas de forma unificada, o atendimento que você prestará aos seus clientes poderá destacá-lo diante da concorrência e acabar se tornando o seu diferencial. Se você adotar uma postura passiva e pouco prestativa, provavelmente não cativará os seus possíveis consumidores.

Outro ponto que merece atenção dentro do universo do Marketplace é a taxa cobrada. Alguns pedem um percentual sobre as vendas realizadas, enquanto outros cobram uma taxa mensal. Lembre-se que você não tem garantia sobre as suas vendas e, por isso, evite se comprometer em pagar uma taxa sobre a qual não sabe se terá retorno.

OS BENEFÍCIOS DO MARKETPLACE

O consumidor é o primeiro beneficiado do Marketplace, pois encontra tudo o que procura em um único lugar. Os lojistas também podem colher os frutos do sistema, já que têm os seus produtos em um shopping virtual com um grande número de visitantes por dia.

Quanto mais produtos uma loja tiver, maior será a chance de um comprador encontrar o que procura. Para os lojistas independentes, uma dica é ter boa diversificação dos produtos, com diversas possibilidades de cores e tamanhos.

DICAS COMO FAZER O SEU PRODUTO APARECER.

Agora que você já sabe como a estrutura de Marketplace funciona, vamos explicar como você pode fazer para o seu produto se destacar. Essas dicas são apropriadas para os diferentes tipos de Marketplace, seja ele das Lojas Americanas, do Facebook, etc. Confira: 

Produtos exclusivos – Tenha produtos diferenciados, que as pessoas não conseguem encontrar em qualquer lugar, e dedique-se a ter boas fotografias. As imagens devem mostrar todas as características, como cores, dimensões, texturas.

Preço em tempo real – Fique sempre atento aos preços praticados pelos seus concorrentes e às promoções que eles fazem. Assim você poderá reverter uma possível queda nas vendas motivada por uma grande vantagem de preço oferecida por um concorrente.

Apresentação da loja ao cliente – Sempre que possível, tenha o contato dos seus clientes. Assim você poderá comunicar sobre as novidades e as promoções.

Cortesia de Atendimento – Ofereça um brinde, desconto ou vale-compra na data de aniversário dos seus clientes. Pequenas cortesias podem fazer com que os clientes voltem a comprar em sua loja e se tornem fiéis.

No mundo do comércio eletrônico, tudo acontece depressa. Dedique-se a estar atualizado e a saber sobre as tendências e novidades do setor.

Gostou de saber mais sobre como funciona a operação do Marketplace e como você pode vender por lá? Leia também sobre como funciona o Marketplace do Facebook! Ele poderá ser um bom aliado de vendas para você. 

 

Artigo anteriorTaxa de conversão de vendas no e-commerce: como calcular?
Próximo artigoAtendimento ao cliente: dicas para atender bem e melhorar as vendas
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA