O que é sampling marketing e como usar para vender mais?

O que é sampling marketing e como usar para vender mais?

2674
0

As lojas virtuais não podem ignorar a efetividade de ações de marketing no meio físico só porque operam no virtual. É nesse sentido que cada vez mais se buscam alternativas para oferecer melhores experiências ao consumidor. Uma delas é chamada de sampling marketing.

Essa nomenclatura é relativamente nova, mas vem de um conceito bem antigo: o de oferecer amostras grátis. Continue a leitura do post para entender o que é sampling marketing? Como fazer sampling de produtos? Como as amostras grátis podem ajudar a sua loja a vender mais? Confira!!

O QUE É SAMPLING MARKETING?

Apesar de vir da ideia de entrega de amostras grátis, as estratégias de sampling marketing são um pouco mais complexas. Isso porque envolvem não só as próprias características do comércio eletrônico, como também o comportamento do consumidor atual.

Assim, para fazer sampling, as empresas devem considerar as preferências de cada consumidor e sua relação com a loja virtual. Não adianta enviar uma amostra para alguém que não tenha interesse no produto. Por exemplo, por que entregar uma amostra de comida para gato para alguém que cria cachorros?

COMO FUNCIONA O SAMPLING DE PRODUTOS?

Amostras grátis há muito tempo são uma referência na experiência de compra.

Mesmo com a ascensão do comércio eletrônico, a amostragem de produtos tornou-se uma estratégia integral para os profissionais de marketing que desejam alcançar e engajar seus públicos, especialmente nas mídias sociais.

De produtos embalados ao consumidor a tecnologia e vestuário, as marcas em vários setores, estão recorrendo à amostragem de produtos para mostrar resultados rapidamente. Há uma série de vantagens em executar campanhas de amostragem de produtos: 

  • Identificar e recompensar seus clientes mais fiéis;
  • Obter feedback útil sobre produtos de clientes reais;
  • Criar entusiasmo e demanda para o lançamento de um produto; 
  • Mas talvez a maior vantagem da amostragem no comércio eletrônico seja como ela pode ser usada para gerar rapidamente classificações e revisões e outros conteúdos gerados pelo consumidor (CGC).

Simplificando, a amostragem de produtos funciona perguntando aos consumidores se eles gostariam de experimentar um produto em troca de um feedback honesto, seja por meio de uma revisão ou nas mídias sociais (ou ambos).

Isso permite que as marcas coletem e amplifiquem conteúdo de clientes reais na esperança de influenciar novos compradores.

QUAIS AS VANTAGENS DE DISTRIBUIR AMOSTRAS?

Você já deve ter notado que muitas estratégias de marketing tradicionais não funcionam atualmente. A verdade é que os consumidores não mais se interessam pela publicidade apenas pela criatividade.

Os clientes preferem acreditar em informações confiáveis, passadas por fontes ou pessoas com credibilidade (como influenciadores, jornais e conhecidos) e, principalmente, em suas próprias experiências.

É nessa última que se baseia o sampling marketing. Ao experimentar um produto, o consumidor pode atestar suas qualidades e, além de se tornar consumidor, influenciar outros.

COMO USAR O SAMPLING PARA VENDER MAIS?

Veja, a seguir, um passo a passo para colocar o sampling marketing em prática.

CONHEÇA SEU OBJETIVO

Antes de tudo, você precisa entender por que deveria enviar uma amostra para um cliente. Precisa divulgar a loja? Conquistar ou fidelizar clientes? Promover um produto novo? Enfim, é importante conhecer as necessidades para ter objetivos concretos.

ESCOLHA UM PRODUTO

A escolha depende do objetivo. Por exemplo, se você precisa promover um produto novo, é claro que ele é o item que deve ser enviado. Já para divulgar a loja, pode enviar algo que seja o carro-chefe no portfólio.

DEFINA O PÚBLICO

O público também deve estar alinhado ao objetivo. Se quiser divulgar um produto novo, por exemplo, pode enviá-lo para consumidores que tenham adquirido itens similares. Para promover a loja, é melhor enviar para clientes potenciais, identificados em pesquisas ou outros meios de atração (como o blog).

PLANEJE O SAMPLING

O planejamento envolve a determinação das datas mais adequadas, das formas de envio, da localização e de toda a logística em torno do sampling. É preciso ser bastante minucioso nessa etapa, para não haver desperdícios, envios desnecessários ou esquecimento de clientes importantes.

VERIFIQUE OS RESULTADOS

A última etapa é mensurar a efetividade da ação. Para isso, é necessário comparar a quantidade de pessoas que fizeram a compra ou visitaram a loja após o recebimento das amostras. Isso pode demorar um pouco, mas deve ser acompanhado para conhecer a efetividade da ação.

O sampling marketing pode, então, ser uma estratégia interessante para aumentar as vendas da loja virtual. No entanto, é necessário planejamento para não sair apenas entregando amostras aleatoriamente.

Gostou de saber sobre o sampling marketing? Quer conferir mais estratégias para melhorar seus resultados? Então veja também como aumentar as vendas do seu e-commerce em 7 ações essenciais!

Artigo anteriorE-commerce c2c: o que é e como funciona?
Próximo artigoComo configurar conta no mercado pago: passo-a-passo simples
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA