Como aumentar as vendas: 6 ideias + 9 dicas para pós-venda

Como aumentar as vendas: 6 ideias + 9 dicas para pós-venda

1711
0

Quem trabalha com comércio eletrônico está sempre pensando em ideias sobre como aumentar as vendas do seu negócio. Para isso, é fundamental oferecer um bom atendimento desde a primeira etapa, fazendo com que os consumidores tenham uma boa experiência de compra. 

Mas, na prática, como fazer isso? Aqui, explicaremos algumas técnicas para manter o seu comércio eletrônico em constante crescimento. Se você quer ideias para aumentar as vendas da sua loja virtual, continue lendo esse texto. Depois, avalie o que é viável para o seu negócio!

COMO AUMENTAR O FLUXO DE CLIENTES NA LOJA VIRTUAL?

A estrutura de uma loja virtual é bem diferente da estrutura de uma loja física. Sem dúvidas, uma das maiores diferenças é justamente na forma de atrair os consumidores para o ambiente de vendas. Uma loja de rua pode simplesmente abrir suas portas e esperar que as pessoas que estão passando na frente entrem no ponto de venda.

No entanto, essa lógica não pode ser aplicada num e-commerce, que precisa investir em divulgação para atrair os seus consumidores. Assim, se você quer entender como aumentar as vendas do seu negócio, deve saber que é fundamental recorrer ao Google Ads. Na mesma medida, os posts patrocinados das redes sociais também podem ajudar. 

COMO AUMENTAR AS VENDAS PELA INTERNET?

Mas, afinal, como aumentar as vendas pela internet? Nesse ponto, o recurso que mais pode ajudar seu negócio a vender é o Google Ads. Trata-se de uma modalidade de anúncios que apresenta o seu e-commerce para os usuários que estão usando o buscador do Google ou navegando pela internet. 

Esse serviço faz com que a sua loja virtual não dependa apenas dos resultados orgânicos oferecidos pelo Google quando alguém busca por certas palavras chaves. Assim, as são otimizadas as chances de um usuário se interessar pelo seu e-commerce e acessá-lo. Veja aqui os recursos do Google Ads: 

  • Redes de pesquisa: o seu site vai ser indicado no buscador do Google.
  • Anúncios em vídeo: propagandas que podem ser incluídas antes dos vídeos do Youtube e do Google.
  • Rede de display: coloca o seu e-commerce em mais de um milhão de canais diferentes do Google que são apresentados a partir de remarketing.
  • Rede de pesquisa com exibição em display: une os resultados apresentados nas pesquisas e também nas apresentações feitas a partir do display em sites parceiros. 

COMO USAR O FACEBOOK PARA AUMENTAR AS VENDAS?

O Facebook e as redes sociais em geral também são bons lugares para executar ações de vendas. Para isso, o ideal é ter uma página atualizada na rede, com fotografias de qualidade dos produtos e com conteúdo relevante sobre a marca. Assim, fica mais fácil de despertar o interesse dos consumidores pela empresa.

Isso vale para qualquer rede social. Nenhum e-commerce deve ter uma conta em alguma rede e deixar sua página desatualizada. Isso dá a sensação que a marca não é profissional e deixa o cliente em dúvida se a empresa ainda está em atividade. Por isso, o ideal é só participar de redes que a marca pode e quer atualizar com frequência.

Além disso, o Facebook também oferece o recurso de patrocínio de publicações e da própria página. Desta maneira, conduz o conteúdo publicado na rede para pessoas que ainda não acompanham a página. Da mesma forma, a rede social também tem ferramentas para divulgar o site do e-commerce, aumentando as chances de venda da loja virtual.

COMO REALIZAR UM PROCESSO DE VENDAS EFICIENTE?

Se você quer saber como aumentar as vendas da sua loja virtual, deve ter em mente que é fundamental oferecer uma excelente experiência de compra para os seus consumidores em todas as etapas. Por incrível que pareça, isso começa bem antes de o cliente digitar o número do cartão de crédito na loja virtual. 

A venda começa quando o consumidor toma conhecimento da sua marca. Isso pode ocorrer, por exemplo, numa busca do Google ou durante a navegação em uma rede social, quando a pessoa se depara com a página da loja. Por não saber exatamente quando esse contato vai ocorrer, é fundamental que toda a comunicação da marca seja bem feita.

Depois disso, é provável que o cliente acesse o site da sua loja e, nesse ponto, precisa encontrar fotografias boas e descrições detalhadas sobre os produtos que você vende. Assim, o interesse será aflorado e provavelmente ele continuará navegando pela loja e adicionando itens no carrinho.

A etapa onde a venda é efetivada deve ser perfeita, com conexão segura, informações claras, facilidade no preenchimento dos dados e diversas opções de pagamento e de entrega. Assim, as chances de o consumidor realizar a compra é maior. E se você quer ter o cliente satisfeito em todas as etapas, também deve executar um ótimo pós-venda.

Isso significa que precisa enviar um e-mail comunicando que a compra foi concluída e informando o prazo de entrega e, na mesma medida, oferecendo um excelente serviço caso a pessoa precise trocar o produto. Muitas lojas são boas até o cliente terminar a compra, mas abandonam o consumidor durante o pós-vendas. 

6 IDEIAS PARA AUMENTAR AS VENDAS

Já que estamos falando sobre como aumentar as vendas de seu comércio eletrônico, vamos às ideias práticas. Os itens apresentados a seguir são essenciais para conduzir a loja virtual de maneira profissional e que passe confiança ao consumidor. Afinal, você depende dele para vender mais, né? Confira aqui:

1. CONHEÇA O SEU PRODUTO

Parece banal, mas esse costuma ser um dos grandes elementos que prejudica o crescimento de muitos comércios eletrônicos. Não adianta ter um ótimo produto à disposição no seu site se não incluir as informações necessárias para que o cliente possa tomar a melhor decisão.

Sabendo disso, coloque o máximo de dados sobre o produto que você vende. Assim, o cliente vai se sentir confiante para finalizar a compra. Um detalhe: não divulgue apenas especificações técnicas. Abra espaço para a linguagem informal, dando exemplos de usos e destacando as características mais relevantes daquilo que vende. 

2. PROSPECÇÃO

Como a palavra já dá a entender, prospecção é a busca contínua por novos clientes que possam gerar novos negócios. Mas como fazer isso no comércio eletrônico? Bem, a dica é saber onde e como procurar. Nesse caso, é fundamental que você tenha em mente qual é o perfil dos seus clientes. Para isso, você pode se basear nos seus consumidores atuais.

Desse modo, você conseguirá identificar quais são os principais segmentos que atende e adequar o marketing do seu e-commerce para esse público. Ao determinar o perfil de consumidores, você pode investir divulgação no Facebook e no Google e usar outras formas de comunicação, como o e-mail marketing.

3. ABORDAGEM

Realizar uma boa abordagem no comércio eletrônico é um desafio, pois lá não existe o contato cara a cara com o consumidor. Mas nada é impossível! Ao conhecer o perfil do seu cliente e saber quais são a suas preferências, você conseguirá entender qual é a melhor maneira de estabelecer contato com ele. 

Da mesma maneira, você também saberá quais são os produtos que ele tem mais interesse de comprar e quando é o momento correto de fazer uma promoção. Para construir um relacionamento adequado, faça uma coleta de informações contínua do seu cliente. Isso fará com que você possa sempre aperfeiçoar o contato com seu público. 

4. AVALIAÇÃO DAS NECESSIDADES DOS CLIENTES

Esse item tem relação direta com o anterior, pois também exige conhecimento sobre as necessidades e desejos dos consumidores. A partir disso é que será possível entender a melhor maneira de buscar um cliente e, mais do que isso, saber qual é o perfil do cliente que você deve ir atrás. Lembre-se que seu negócio deve existir para resolver problemas.

Justamente por isso, é interessante ampliar seus canais de comunicação com o público, oferecendo um chat online ou outra forma de contato direto. Antes de adquirir um produto, muitos clientes desejam tirar uma última dúvida ou reafirmar uma certeza. Sempre tenha um número ou um agente online disponível. Isso pode fazer a diferença para sua loja virtual.

5. FECHAMENTO DO NEGÓCIO

Muitas vezes, o processo de compra online é interrompido depois de o cliente já ter incluído os produtos no carrinho de compras. Para reverter essa situação, o empreendedor do e-commerce deverá entender os motivos do abandono e, sabendo disso, pensar em ações para reverter essa prática.

Sem dúvidas, os incentivos são uma boa forma de motivar o cliente. Você poderá mandar e-mail lembrando dos produtos que ficaram no carrinho e até mesmo oferecer algum desconto. Uma tática utilizada pelos comércios eletrônicos americanos é oferecer pequenos descontos naquelas situações em que os produtos já estão parados há algum tempo. 

6. NÃO ESQUEÇA DO PÓS-VENDA

O pós-vendas é tudo no mundo do comércio eletrônico. Por isso, não se esqueça de fazer um acompanhamento adequado da entrega do seu produto e de saber o que o cliente achou do item. Isso pode render futuras compras. Esse contato da loja virtual com o cliente é importante para a construção de um relacionamento duradouro.

Sabendo disso, não pare na hora em que a compra tiver sido finalizada. Para manter o contato com os seus clientes, o ideal é usar a newsletter, que é eficiente tanto para a divulgação dos lançamentos quanto para o anúncio de promoções. Outra boa forma de estreitar o vínculo é oferecer um desconto na data do aniversário do consumidor.

9 DICAS DE COMO AUMENTAR AS VENDAS USANDO O PÓS-VENDA A SEU FAVOR

Se você quer entender como aumentar as vendas da sua loja virtual, deve ter em mente que atrair novos consumidores nem sempre é o único caminho para isso. Manter os clientes atuais satisfeitos também é uma forma de potencializar o lucro do seu negócio, já que essas pessoas podem vir a comprar com mais frequência no seu e-commerce.

Para fidelizar esses clientes, é fundamental oferecer um excelente serviço de pós-vendas. Por incrível que pareça, o atendimento que ocorre após a compra é negligenciado por muitas marcas. Por isso, essa prática pode diferenciar seu negócio da concorrência e ainda contribuir para o crescimento da empresa. Veja 9 de dicas de como aumentar as vendas:

1. COMUNICAÇÃO E PÓS-VENDA

Quando se tem um canal de vendas virtual, a comunicação é algo muito importante durante todo o processo. Isso deve começar nos primeiros contatos do cliente com a marca e se fortalecer com um agradecimento pelo negócio fechado. Depois do processo de compra ser finalizado, informar o cliente sobre a trajetória do produto até que ele o receba em casa. 

Procure mantê-lo informado sobre o status de envio da mercadoria, porque dessa forma ele se sentirá seguro com a compra. Na mesma medida, também terá a chance de se programar para receber a encomenda. Você tem a possibilidade de fazer isso por meio do envio de e-mails, mensagens de SMS ou até mesmo por aplicativos. 

2. PESQUISA DE SATISFAÇÃO

Avaliar a satisfação do consumidor no pós-venda é determinante para melhorar qualquer tipo de processo. Quando se trata de vendas online então, essa importância triplica. Isso porque a pesquisa de satisfação funciona como um termômetro junto ao cliente, através do qual a marca tem a possibilidade de entender aquilo que precisa ser aperfeiçoado. 

Além disso, essa avaliação é a melhor forma de monitorar o que o usuário falará para os outros consumidores do seu círculo social ou até mesmo em fóruns que debatem temas do segmento. Nesse sentido, a pesquisa deve ser a mais simples e rápida possível, garantindo um número mais alto de respostas.

3. ESTRATÉGIAS DE CROSS SELLING E UPSELLING

Esses termos se referem a ações logo após o cliente tomar a decisão da compra. São oferecidos produtos dentro do mesmo contexto. Vamos explicar melhor: um exemplo de cross selling é quando um músico compra um violino online. Logo, ele recebe a sugestão de outros produtos complementares, como a espaleira, o afinador, a capa ou a estante.

Podemos ilustrar o conceito de upselling utilizando o mesmo caso. Imagine que esse músico queira comprar um violino por um valor, a empresa então pode sugerir um violino de um nível superior por um preço que talvez compense mais para o cliente. Essas estratégias são de baixo custo e aumentam bastante o volume de vendas.

4. LOGÍSTICA REVERSA

No e-commerce, quando o produto não é aquilo que o cliente esperava, ele tem o direito assegurado pelo Código de Defesa do Consumidor de devolvê-lo em até sete dias.

Entretanto, a logística reversa é vista muitas vezes como um problema. Porém, um empreendedor de sucesso é capaz de transformar esse problema em um diferencial para a empresa.

Se os processos de logística reversa da sua organização são claros e bem definidos, quando isso ocorre, o empreendimento trata com naturalidade e com o interesse em querer sempre melhorar a experiência do cliente. Isso certamente faz com que ele volte a dar preferência para a sua marca.

5. REMARKETING

Após fidelizar o cliente, será a hora de vender novamente para ele. Para tanto, você tem a chance de oferecer os produtos que são da preferência dessas pessoas, de sua classe social ou, como dizem, da sua tribo. Para isso, é indicado manter um banco de dados com o perfil dos consumidores, fazendo com que o processo seja o mais personalizado possível. 

Conhecer o público-alvo faz parte de um processo de vendas eficiente, pois saber o que os clientes gostam e valorizam é uma excelente maneira de estreitar a abordagem. Uma boa maneira de fazer remarketing é através do e-mail, segmentando os envios de acordo com o perfil de cada consumidor. 

6. RESOLUÇÃO IMEDIATA DE PROBLEMAS

Quando surgir qualquer tipo de contratempo, a melhor opção é resolver de maneira imediata. Isso porque a agilidade deve ser um ponto prioritário no pós-venda, especialmente na plataforma online, onde a informação surge rapidamente e é compartilhada com ainda mais velocidade.

A verdade é que grande parte das reclamações nos órgãos de defesa do consumidor poderia ser evitada se as empresas se preocupassem mais com a agilidade no atendimento ao cliente — tanto na comunicação entre os departamentos para resolver o problema dele quanto no trato com o mesmo.

7. SEGREDO DE SABER OUVIR OS CLIENTES

Atender reclamações não é a coisa mais agradável do mundo. Contudo, uma pessoa que reclama quer apenas ser compreendida, ouvida e amparada. Caso você adote essa postura de ouvinte, terá boas chances de despertar a confiança dos seus clientes. Saber escutar cria a empatia necessária para reverter a crise em oportunidade. 

Outra dica importante para quem trabalha com vendas é de não se restringir somente ao universo digital. Você deve aproveitar a proximidade para, de vez em quando, surpreender e visitar pessoalmente os usuários que dão preferência à sua empresa. No caso de e-commerce, acompanhar os posts do público nas redes sociais também é eficiente. 

8. USO DO FEEDBACK DOS CLIENTES A FAVOR DO SEU NEGÓCIO

O feedback também é uma estratégia interessante para quem quer entender como aumentar as vendas da sua loja. Através do pós-venda, você receberá todo tipo de informação: sugestões, reclamações, questionamentos, etc. Da mesma forma, também conseguirá entender em que casos existe a possibilidade de recompra.

Todos esses dados apanhados por sua empresa devem ser analisados com atenção para que você tenha a chance de desenvolver estratégias específicas que permitam melhorar a experiência do usuário e aumentar a satisfação dele. Com isso, o seu e-commerce tem mais chances de crescer!

9. ESTIMULAÇÃO DO COMPARTILHAMENTO

Por último, mas não menos importante, caso o seu cliente tenha passado por uma excelente experiência de compra em seu e-commerce, estimule-o a compartilhá-la nas principais redes sociais e recompense-o por isso. Uma maneira de retribuir o compartilhamento é dar um desconto na próxima compra ou enviar um brinde a ele.

Por fim, se você quer entender como aumentar as vendas, saiba que a divulgação de opiniões favoráveis consolida a boa reputação de sua marca e atrai outros clientes para o seu e-commerce. Isso nada mais é do que publicidade positiva na internet a um custo muito baixo.

Gostou dessas ideias sobre como aumentar as vendas em seu comércio eletrônico? Com a aplicação dessas estratégias, suas chances de oferecer um bom atendimento e de fidelizar o público são muito maiores! 

Agora que você já sabe tudo sobre o pós-vendas, sugerimos que descubra como melhorar o posicionamento do seu e-commerce no Google. Com esse conhecimento, você poderá impactar mais pessoas e expandir o número de clientes da sua loja virtual. Boa leitura!

Artigo anteriorPágina de depoimentos: o que é e como usar? Veja como criar
Próximo artigoInstagram Checkout: o que é e para que serve? Dica para usar
Marcio Eugênio é especialista em e-commerce, com mais de 13 anos de experiência na área, e sócio-fundador de três empresas focadas em e-commerce. É colunista em diversos portais relacionados a comércio virtual, administração e empreendedorismo, além de contar com vasta experiência em comércio eletrônico. Foi eleito em 2016 como o melhor profissional de e-commerce pela Abcomm, através de votação popular, e é apresentador do maior canal focado em e-commerce do Youtube no Brasil. O Projeto mais recente de Loja virtual é a https://www.monnieri.com.br/ que saiu do zero a um milhão de reais de faturamento em menos de dois anos.

DEIXE UMA RESPOSTA